Polícia

Acusado de esfaquear homem no Centro alega que só queria ‘zoar’ a vítima

Ele disse que tinha sido esfaqueado pela vítima semanas antes

Renata Portela Publicado em 07/01/2022, às 12h46

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

Passou por audiência de custódia nesta sexta-feira (7) o homem, de 33 anos,acusado de esfaquear outro, de 44 anos, na noite de quinta-feira (6) na região central de Campo Grande. Ele alegou que só queria ‘zoar’ a vítima e que não tinha intenção de matar, mas teve prisão preventiva decretada.

Segundo relato do suspeito, há aproximadamente duas semanas o homem de 44 anos o esfaqueou na região das costelas, ocasião em que ele ficou internado na Santa Casa de Campo Grande e levou quase 30 pontos. Os dois teriam uma desavença antiga.

O homem ainda contou que estava com a esposa na Rua 7 de Setembro, por volta das 23 horas de quinta-feira, quando a vítima chegou com uma pedra em mãos, xingando o acusado. O suspeito então se aproximou e deu uma facada na barriga da vítima. “Não tinha intenção de matar, mas sim zoar ele”, relatou.

Para justificar, o homem ainda disse que a vítima caiu no chão e ele poderia ter continuado com as facadas, mas não o fez, pois achou que era ‘suficiente’. Ele passou por audiência de custódia e foi determinada conversão do flagrante em prisão preventiva. O suspeito responde por lesão corporal de natureza grave.

Jornal Midiamax