Menina de 11 anos engravida após ser estuprada por tio-avô durante 4 anos em MS

Uma criança de 11 anos acabou engravidando depois de ser estuprada pelo tio-avô em Chapadão do Sul a 330 quilômetros de Campo Grande. A gravidez da criança foi descoberta depois que a mãe a levou ao médico já que a menina reclamava de dores abdominais. A descoberta do crime aconteceu em setembro de 2020 durante […]
| 11/01/2021
- 15:39
Menina de 11 anos engravida após ser estuprada por tio-avô durante 4 anos em MS
(Ilustrativa) - (Ilustrativa)

Uma criança de 11 anos acabou engravidando depois de ser estuprada pelo tio-avô em Chapadão do Sul a 330 quilômetros de Campo Grande. A da criança foi descoberta depois que a mãe a levou ao médico já que a menina reclamava de dores abdominais.

A descoberta do crime aconteceu em setembro de 2020 durante consulta médica. A família soube que a menina estava grávida de sete semanas, quase dois meses de gestação.

A menina disse que era abusada pelo tio-avô desde que tinha 7 anos, e que um dos estupros teria acontecido quando os dois haviam saído para pegar abelhas e o homem a agarrado pelas costas. A criança era deixada com o homem para que a mãe pudesse trabalhar.

Nesta segunda-feira (11) foi negado o pedido de liberdade do acusado. Na decisão da 3º Vara Criminal, o juiz decide que “é nítida a impossibilidade de aplicação das medidas cautelares diversas da prisão, pois estas não se mostram suficientes para atingir a finalidade acautelatória, em especial para a preservação da integridade física e psíquica da vítima, criança de apenas onze anos”.

Por fim o magistrado afirma que, “circunstâncias tendem a demonstrar a periculosidade do paciente e, por consectário, obstar a revogação da custódia preventiva’.

Veja também

Ele estava em outra cidade e alegou que tentava fugir da polícia

Últimas notícias