Polícia

Polícia Federal define banca organizadora de concurso com 1,5 mil vagas

A PF (Polícia Federal) confirmou que o Cebraspe será a banca do próximo concurso público que vai oferecer 1.500 vagas. O extrato da dispensa de licitação foi publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira (29). Com banca definida, a PF agora irá divulgar o edital do certame, que teve a autorização confirmada no início […]

Diego Alves Publicado em 29/12/2020, às 19h15 - Atualizado em 30/12/2020, às 07h37

None

A PF (Polícia Federal) confirmou que o Cebraspe será a banca do próximo concurso público que vai oferecer 1.500 vagas. O extrato da dispensa de licitação foi publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira (29).

Com banca definida, a PF agora irá divulgar o edital do certame, que teve a autorização confirmada no início desse mês.  O edital de abertura deverá ser lançado até, no máximo, seis meses após a publicação da portaria. Ou seja, o certame deverá ser aberto até junho de 2021.

Vagas

As vagas serão distribuídas entre os cargos de delegado (123), escrivão (400), papiloscopista (84) e agente (893).

O cargo de delegado exige ensino superior completo em Direito, enquanto as outras profissões têm como pré-requisito ensino superior completo em qualquer área. De acordo com o Portal da Transparência, as remunerações iniciais variam entre R$ 12.522,50 e R$ 23.692,74, podendo chegar a até R$ 30.936,91 com o passar do tempo.

O último concurso público da PF, em 2018, foi organizado pelo Cebraspe e ofertou 500 vagas. Na ocasião, os candidatos tiveram que passar por prova objetiva, prova discursiva, exame de aptidão física, prova oral, avaliação médica, avaliação psicológica e, por fim, o curso de formação profissional. Alguns cargos também contavam com as etapas de avaliação de títulos e prova prática de digitação. (Informações, Correio Braziliense)

Jornal Midiamax