Polícia

Homem que matou vizinho com facada no pescoço é preso em Dourados

Foi preso na noite desta quarta-feira (22), por uma equipe da Guarda Municipal, Francisco Chagas, de 57 anos, conhecido como “Ceará”. Ele é  acusado de matar Vilmar Coelho da Silva, de 51 anos, com uma facada no peito na Vila Rosa, em Dourados. O crime aconteceu no final da tarde após uma discussão. Segundo relatou, […]

Marcos Morandi Publicado em 23/01/2020, às 08h00 - Atualizado às 08h27

O acusado estava nas proximidades do local do  crime. (Foto: Sidney Bronka)
O acusado estava nas proximidades do local do  crime. (Foto: Sidney Bronka) - O acusado estava nas proximidades do local do  crime. (Foto: Sidney Bronka)

Foi preso na noite desta quarta-feira (22), por uma equipe da Guarda Municipal, Francisco Chagas, de 57 anos, conhecido como “Ceará”. Ele é  acusado de matar Vilmar Coelho da Silva, de 51 anos, com uma facada no peito na Vila Rosa, em Dourados. O crime aconteceu no final da tarde após uma discussão.

Segundo relatou, depois do matar o vizinho, Francisco foi até um bar para beber cerveja e pinga. A Guarda Municipal prendeu o suspeito na Rua Jose de Alencar, na Vila Rosa, nas proximidades do local do  crime. O acusado estava escondido atrás de uma arvore.

Na cintura de Francisco foi encontrada a faca usada no assassinato. Ele falou que matou o vizinho, após ser agredido com dois socos no rosto. Ele contou ainda, que estava colocando uma porta na casa da vítima e os dois estavam bebendo cerveja.

Segundo o acusado, Vilmar estaria chamando a atenção dele, por estar demorando para colocar a porta. Os dois passaram a discutir, e a vítima agrediu o suspeito com socos no rosto. Francisco, foi até a quitinete onde mora, pegou uma facada e agrediu a vítima no peito.

Após o crime, Francisco foi até bar próximo do ginásio municipal e passou a beber pinga e cerveja até ser preso pela Guarda Municipal. Na delegacia de Polícia Civil, Francisco foi autuado em flagrante acusado pelo crime de homicídio.

Jornal Midiamax