Um indígena de 27 anos de idade, morador da aldeia Porto Lindo em , cidade a 465 quilômetros de Campo Grande foi preso nesta sexta sexta-feira (22), por causa do contra um adolescente de 15 anos em 2010 em Vicentina. Contra ele havia um mandado de prisão em aberto. A prisão foi feita por uma equipe da Polícia Militar de Japorã.

Conforme o registro policial, em julho de 2010, um adolescente de 15 anos, morador do distrito de Vila Rica em Vicentina, chegou em casa por volta das seis horas da manhã do dia 28, embriagado, com as vestes rasgadas e reclamando de dores.

Ele disse para a mãe que havia sido violentado por três indivíduos e contou o endereço onde o fato havia ocorrido. A Polícia Militar esteve no local e prendeu o trio por violência sexual e por fornecer bebida alcoólica a menor de idade.

Eles ficaram um período preso e quando ganharam o direito de responder ao processo em liberdade, o morador de Japorã não foi mais localizado pela Justiça de Fátima do Sul, comarca onde a ação tramita. Ele foi encaminhado pela Polícia Militar de Japorã a Delegacia de Mundo Novo. Segundo a polícia, em menos de dois meses, a PM de Japorã já cumpriu oito mandados de prisão.