Polícia

Vítima de esfaqueamento recusa socorro ao ver bandido na ambulância

Adolescente ficou gravemente ferido

Renata Portela Publicado em 19/09/2016, às 11h03

None
interna.jpg

Adolescente ficou gravemente ferido

Na noite de domingo (18), por volta das 20h30, adolescente de 14 anos foi vítima de assalto e esfaqueamento na Avenida Afonso Pena, entre o Parque das Nações Indígenas e o Shopping Campo Grande. Ele reencontrou o assaltante quando uma viatura dos bombeiros parou para socorrê-lo, com o bandido dentro também sendo socorrido.

Conforme apurado pelo Jornal Midiamax, guardas que trabalham na segurança do terminal de ônibus em frente ao Shopping Campo Grande viram quando dois rapazes chegaram falando sobre um assalto, nos altos da avenida, com dois esfaqueados. Momentos depois outras pessoas se aproximaram, desesperadas, falando sobre as vítimas.

O adolescente chegou ao local pedindo socorro e uma enfermeira que estava no terminal, além dos seguranças, deram os primeiros cuidados ao jovem. Pessoal do shopping também foi até o terminal e o brigadista fez os primeiros socorros. Corpo de Bombeiros foi acionado e, quando uma viatura passava em frente ao shopping, populares gritaram por socorro.

Quando a viatura parou e a porta foi aberta, o adolescente se desesperou e disse que não queria ser atendido, pois o assaltante já estava na viatura sendo socorrido pelos bombeiros. Segundo um dos seguranças que estava no local, tal viatura tinha ido até as proximidades do parque para socorrer outra vítima de esfaqueamento, que seria o assaltante.

Outras viaturas dos bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) pararam no local e o adolescente foi socorrido. Os dois jovens foram levados para a Santa Casa e, até o momento, a informação é de que o adolescente foi assaltado e reagiu, sofrendo o ferimento grave no braço mas também ferindo o ombro do bandido.

O caso deve ser registrado pela delegacia de área e não há informação se alguém chegou a ser preso ou apreendido.

Jornal Midiamax