Polícia

Tráfico em família: irmãos tentam fugir com droga e são defendidos pelos pais

Houve tiros

Renata Portela Publicado em 05/09/2016, às 10h47

None
porcao_maconha.jpg

Houve tiros

Na noite de domingo (4), moradores na Rua Júlio Mancini em Três Lagoas, cidade a 338 quilômetros de Campo Grande, ficaram assustados ao ouvirem tiros por volta das 21h30. Os disparos foram feitos por policiais que estavam atrás de dois irmãos, de 27 e 21 anos, e a dupla acabou presa por tráfico de drogas.

Segundo informações do boletim de ocorrência registrado pela equipe da Polícia Militar, os oficiais faziam patrulhamento no Centro, quando avistaram José Cícero Bernardino Junior, de 21 anos, e Cléber Fernando Barboza Bernardino, de 27 anos. Os irmãos estavam em uma Twister vermelha, e segundo os policiais, paravam, trocavam algumas palavras com grupos de pessoas e depois saíam.

A atitude fez com que os militares abordassem os rapazes. Assim que os policiais se aproximaram, os irmãos iniciaram fuga e, ao chegarem na Rua Júlio Mancini, os militares fizeram dois disparos de elastômero, para que a dupla parasse. Consta no registro policial que o piloto da motocicleta chegou a passar por sinais vermelhos e até dirigiu na contramão, colocando a vida de outras pessoas em risco.

O passageiro da moto pulou e caiu, se levantou e tentou entrar dentro de uma chácara que há no local, mas foi impedido pelos policiais. José foi detido e, com ele, foi apreendida uma porção de maconha de 44 gramas. O irmão dele foi encontrado por outra equipe policial, na frente de casa, e os pais dele ainda entraram na frente dos militares, tentando impedir a prisão.

Os irmãos negaram relação com tráfico de drogas e foram encaminhados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), onde foram indiciados por tal crime, além de falta de permissão ou habilitação para dirigir e transitar em velocidade incompatível.

Jornal Midiamax