Polícia

Morador de rua encontrado morto em oficina já havia morrido e ‘ressuscitado’

Vítima tinha problemas com álcool

Thatiana Melo Publicado em 20/10/2016, às 13h26

None
whatsapp_image_2016-10-20_at_10.00.32.jpeg

Vítima tinha problemas com álcool

Aguinaldo Macedo Molina, de 49 anos, foi encontrado morto na manhã desta quinta-feira (20), no Bairro São Jorge da Lagoa, em Campo Grande, em uma oficina mecânica.

O mecânico da oficina disse a equipe do Jornal Midiamax, que Aguinaldo era muito conhecido na região, e que tinha problemas de alcoolismo. De acordo com o mecânico Antônio Telmo Oliveira, a vítima era muito pacata.

“Todos aqui da região conheciam ele, davam comida, dinheiro. A família dele mora nas proximidades, mas ele optou por morar na rua”, disse Antônio.  O corpo de Aguinaldo foi encontrado pelo mecânico ao abrir a oficina.

A vítima estava caída no chão. O Corpo de Bombeiros foi acionado e o Samu (Serviço de Atendimento Móvel), que constatou o óbito de Aguinaldo. Ainda de acordo com informações de moradores da região, Aguinaldo já tinha sido dado como morto em outras duas ocasiões.

Ele teria sido levado para o necrotério da Santa Casa, e ‘ressuscitado’ na frente de uma funcionária do hospital. Na outra, uma motorista que passava pela rua teria encontrado ele caído com sangramento na cabeça e pensado que Aguinaldo estava morto. Ele, no entanto, teria levantado e caminhado causando um susto na mulher.

Jornal Midiamax