Pescadores conseguiram fugir nas embarcações

Diversas redes de pesca foram apreendidas nas proximidades da barragem da Usina Sérgio Motta, no Rio Paraná, em Três Lagoas, a 338 quilômetros de .

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de e do Grupamento de Porto Primavera em fiscalização nesta quinta-feira (28) na usina avistou quatro embarcações com pescadores armando as redes inclusive, cercando a escada de peixe da hidrelétrica.

Com a chegada da polícia, os pescadores fugiram. A legislação proíbe a pesca a menos de 1.000 metros das barragens, porém, alguns pescadores arriscam-se para armar petrechos nesses locais, em virtude da facilidade de captura, em razão do acúmulo de cardumes no local.

O local é extremamente perigoso para a navegação e com correnteza  muito forte. A PMA vai tentar identificar os pescadores no intuito de responsabilizá-los pelo crime ambiental, que prevê pena de um a três anos de detenção.

Saiba Mais