Morreu aos 76 anos, nesta quinta-feira (11), o ex-jogador de americano O.J. Simpson. O ex-atleta envolvido em crimes que ganharam repercussão mundial morreu vítima de câncer.

Um dos principais crimes em que O.J. se envolveu foi a morte da ex-mulher Nicole Brown e o amigo dela, em 1994 na cidade de Los Angeles. O caso ganhou repercussão mundial após o ex-jogador ser absolvido. Houve denúncias de irregularidades no julgamento, que foi considerado o “Julgamento do Século”.

A morte de O.J. foi confirmada pela família nesta manhã, em publicação nas . Ele vivia em Las Vegas.

“No dia 10 de abril, o nosso pai, Orenthal James Simpson, sucumbiu à sua batalha contra o câncer. Ele estava cercado por seus filhos e netos. Durante este período de transição, a família dele pede respeito a seus desejos de privacidade”, diz a nota publicada nas redes do ex-atleta.

Além do crime de 1994, O.J. se envolveu em outro, dessa vez um sequestro e assalto à mão armada, em 2007. Por esse crime o ex-jogador foi condenado a , que se estendeu até 2017. Depois, O.J. passou a liberdade condicional e a pena foi totalmente cumprida em dezembro de 2021.