Com mais de 75% dos votos apurados, Sergio Massa tem 35,9% dos votos e Javier Milei 30,51%, e eles decidirão a presidência em um . Patricia Bullrich ficou em terceiro lugar, com 23,61% dos votos.

O resultado parcial levaria a eleição na para o segundo turno. Pelas regras eleitorais argentinas, para se eleger no primeiro turno o candidato mais bem votado precisa ter 45% dos votos ou mais, ou ter mais de 40% dos votos e, ao mesmo tempo, 10 pontos porcentuais de vantagem sobre o segundo melhor candidato.

No atual, o candidato governista, Sergio Massa, estaria no segundo turno com o libertário Javier Milei, em 19 de novembro.

Conforme os primeiros resultados foram sendo divulgados, mostrando Sergio Massa a frente com 35% e Milei com 30%, o clima de festa do lado se fora do QG do libertário diminuiu. Muitos pararam de cantar “a casta tem medo” e passaram a acompanhar a apuração ao vivo das transmissões televisivas no YouTube.

“Pensei que ganharíamos em primeiro turno”, lamenta um eleitor para os amigos. Logo, alguns passaram a gritar informando que haveria um segundo turno.

A fanfarra tentava manter a animação e de vez em quando alguns libertários, como candidato ao governo se Buenos Aires, Ramiro Marra, saíam de dentro do hotel para inflamar o público, mas logo o clima de preocupação retornava.

Saiba Mais