Reinaugurada na noite deste domingo (19), a Casa do Artesão, localizada no coração de Campo Grande, na esquina da com a Avenida Calógeras, ganhou uma grande festa para celebrar o fim da reforma. Com direito a Gabriel Sater, o filho de Almir Sater, como principal atração do evento.

De acordo com o Governo do Estado, o prédio foi totalmente restaurado. O projeto é do engenheiro Camilo Boni. Construído entre 1918 e 1923, o local foi a primeira sede do Banco do Brasil, tendo até hoje o cofre como uma das atrações. Contudo, desde 1º de setembro de 1975 a construção abriga a Casa do Artesão, tombada em 1994 como patrimônio histórico estadual.

No local, cerca de 800 artesões expõem e comercializam seus produtos, peças de arte popular. Para a restauração, o investimento foi de R$ 2,5 milhões de recursos do Governo do Estado.

Diretor-presidente da Fundação de Cultura de MS, Max Freitas, explicou a importância da restauração. “Esta é um marco da retomada das ações de restauração do governo e também um retorno do comércio de artesanato, de exposições e da reabertura à população de um prédio histórico da nossa capital”, disse ele.

Para marcar a nova Casa do Artesão, uma festa foi preparada no local e contou com a ilustre presença dele o filho de Almir Sater, Gabriel Sater. O herdeiro, que não mora em Campo Grande, veio até a Capital para se apresentar na reinauguração.

 “É o show que eu venho apresentando desde que eu saí da novela e se chama Noites pantaneiras. E é muito bom trazer este repertório pra casa, na minha cidade morena que eu amo tanto. Fui criado aqui e dei os primeiros passos musicais na minha cidade e estou muito feliz em poder prestigiar agora este novo local, feliz com essa inauguração e todo o conjunto da obra. Vamos fazer várias homenagens a grandes artistas do nosso Estado”, declarou Sater ao Midiamax.

Veja na matéria abaixo alguns detalhes da nova Casa do Artesão:

Saiba Mais