Reviravolta? Não, só um mal-entendido mesmo. É que, após repercutir nas redes sociais a acusação de uma moradora sobre o Fofão da Carreta da Alegria em Campo Grande, alguns campo-grandenses pensaram que o personagem acusado de mostrar o dedo para crianças durante o passeio fosse do Busão da Alegria MS, mas as duas são empresas completamente diferentes.

Não é de hoje que as carretas da empresa SuperStar são confundidas com o Busão da Alegria em Campo Grande. Desde que as carretas itinerantes, que não são da Capital e nem estão em MS fixamente, chegaram à região, muitos moradores pensam que elas e o Busão da Alegria são a mesma coisa.

Contudo, o Busão da Alegria é de Mato Grosso do Sul e presta o mesmo serviço e com os mesmos personagens, só que em um ônibus. Enquanto a carreta, como o próprio nome já diz, realiza os passeios em uma carreta e viaja pelo Brasil.

Mal-entendido: Fofão não foi demitido

Para sanar as dúvidas envolvendo a polêmica do personagem, a equipe do Busão da Alegria emitiu uma nota de esclarecimento neste fim de semana avisando que o Fofão acusado de mostrar o dedo para as crianças não é de seu casting de personagens.

O problema é que, ao lerem a nota, campo-grandenses voltaram a fazer confusão e entenderam que o Fofão [aquele acusado de mostrar o dedo] foi desligado da empresa, enquanto ele sequer faz parte do Busão da Alegria.

“A equipe do Busão da Alegria MS vem por meio desta esclarecer após os últimos acontecimentos envolvendo o personagem Fofão, que estão circulando nas redes sociais, que o mesmo não faz parte do Busão da Alegria MS”, inicia a nota.

O trecho causou revolta, pois, a partir da mensagem, alguns moradores interpretaram equivocadamente que Fofão foi demitido, sendo que o comunicado avisa que ele não é desta empresa.

“É muita injustiça com o coitado. Meu Deus”, “Que palhaçada! O cara parou deu maior atenção pra minha filha porque ela estava com medo sãs fantasias. E agora vão lá e tiram o cara do serviço dele? Pelo amor, viiiu”, foram alguns comentários confundindo a situação.

Porém, a nota do Busão da Alegria não termina ali. “Lamentamos o ocorrido e deixamos registrado nosso respeito com as crianças e compromisso com toda a população campo-grandense e do Estado MS. O Busão da Alegria MS tem como compromisso levar alegria e diversão para todos há mais de 3 anos por todo o Estado de Mato Grosso do Sul”, encerra o comunicado, que foi compartilhado por muitos moradores acreditando na demissão de Fofão.

fofão
Nota de esclarecimento do Busão da Alegria MS

Mas, o que aconteceu com o Fofão acusado?

Após uma moradora de Campo Grande dizer que viu Fofão mostrando o dedo para crianças durante o passeio, a população em massa saiu em defesa do boneco e da Carreta da Alegria. Em imensa maioria, internautas se declararam “#TeamFofão” e criticaram o depoimento da mulher sobre o personagem não dar atenção às crianças.

Ao Jornal Midiamax, a direção da Carreta da Alegria comenta a acusação da mãe sobre o personagem e considera o caso em Campo Grande como um “fato isolado”. Além disso, a Carreta afirma que não houve reclamação da família no momento da situação. A equipe também destaca que nunca recebeu reclamações formais sobre a empresa, apenas nas redes sociais.

Um dos responsáveis pela atração ainda questiona a mulher sobre Fofão ter mostrado o dedo, afirmando que o personagem usa uma luva que não permite a ação. Ainda assim, a Carreta diz que espera um contato da moradora para atendê-la da melhor maneira.

“A atitude do funcionário vai ser apurada e corrigida, mas gostaria que os [nós] responsáveis fossem procurados para falar sobre o assunto de forma amigável, pois prezamos por resolver os problemas”, declara a empresa.

Fale com o Midiamax

Tem alguma denúncia, flagrante, reclamação ou sugestão de pauta para o Jornal Midiamax? Envie direto para nossos jornalistas pelo WhatsApp (67) 99207-4330. Acima de tudo, com sigilo garantido por lei.

Acompanhe nossas atualizações no Facebook, Instagram e Tiktok.