Um detalhe muito pertinente está chateando os pantaneiros de Mato Grosso do Sul que acompanham o remake da novela”, feito pela TV Globo. A situação ficou ainda pior quando internautas descobriram que na primeira versão, essa falha não acontecia.

Para quem conhece a lida dos peões, ver o protagonista José Leôncio (Renato Goes) fazendo absolutamente todas as suas refeições de chapéu tem sido uma verdadeira ofensa. Juliana Alves, sul-mato-grossense da região, compartilhou com o Jornal Midiamax sua indignação.

“A novela está linda, mas com algumas situações que talvez o escritor não percebeu, ou realmente não conheceu o cotidiano de um pantaneiro do Mato Grosso do Sul. Todas as refeições o personagem de José Leôncio faz de chapéu. Isso aqui no Mato Grosso do Sul, no Pantanal, é falta de educação, é uma ofensa”, pontuou ela.

Não demorou para que mais pessoas aparecessem concordando e reclamando do mesmo detalhe. “Isso não existe no Pantanal. Peão nenhum jamais come de chapéu, não nos representa”, reiterou o morador Ezequiel Barros.

Uma das inúmeras cenas em que Zé Leôncio aparece fazendo refeições usando chapéu na novela “Pantanal” – (Fotos: TV Globo/Reprodução)

Detalhe do chapéu em Pantanal na boca do Brasil

O assunto foi além e também já virou tema de discussões no Twitter, onde muita gente percebeu a falha considerada imperdoável por quem conhece a cultura pantaneira. No Brasil inteiro, o detalhe incômodo passou a repercutir.

“Os peões em Pantanal comendo na mesa de chapéu na cabeça, aô produção que nunca pisou na roça”, escreveu um internauta. Edith Azevedo destacou: “Alguém tira o chapéu da cabeça do Zé Leôncio, pelo amor de Deus! Nunca se senta à mesa de chapéu, nunca! #Pantanal”.

Novela “Pantanal” mostra peão comendo de chapéu, atitude impraticável por pantaneiros – (Foto: TV Globo/Reprodução)

Dieniffer Marques opinou: “Achei uma mentirada descabida essa novela do pantanal, imagina que na vida real o homem ia sentar à mesa com chapéu na cabeça, nunca ia acontecer”, disse ela. Taiz Dering também ficou chateada: “QUAL A CHANCE de um peão como o Zé Leôncio sentar numa mesa pra e não tirar o chapéu como forma de respeito?”, questionou.

Comparando à versão original, constataram que o “desrespeito” não aconteceu na obra da Manchete, de 1990, e passaram a detonar o remake por esse descuido. Confira algumas das diversas reações:

https://twitter.com/CarmenR85839713/status/1511152032203300869
https://twitter.com/lari_ibumi/status/1509706459684163593
https://twitter.com/guidaperturbado/status/1511026980224909313
https://twitter.com/joaodaviteles/status/1510981494503784457