Quem aproveitou o 1º MS Fashion Week do ano passado pode se preparar que a segunda edição do evento que está confirmada para acontecer de 15 a 18 de novembro, em Campo Grande. A semana de moda do Estado integra do Circuito Nacional Fashion Week (CNFW), que também engloba outros estados brasileiros. O tema central de 2022 é ‘O Poder do Coletivo’.

Segundo a organização, o evento deste ano ainda contará com arrecadação de absorventes íntimos como forma de entrada. Arrecadação será doada para meninas e mulheres em situação de vulnerabilidade social posteriormente.

Pobreza menstrual

Para a produtora do MSFW, Rosângela Barros, a colaboração no evento envolve marcas e setores da sociedade. “Neste momento pós pandemia a colaboração é fundamental e no MS Fashion Week vamos unir marcas autorais do estado e unir também arte, decoração, música, turismo e de moda em um único lugar”, afirma. Portanto, o propósito da ação social deste ano é promover a dignidade menstrual.

Segunda a ginecologista e embaixadora oficial do MSFW, Ana Helena Mattos, a falta de acesso a absorventes íntimos é um problema que vai além do físico, acentua o mal-estar que a menstruação naturalmente gera, afeta também o psicológico dessas mulheres.

“Trazer o tema à tona é fundamental para sensibilizar as pessoas sobre uma dificuldade que às vezes passa despercebida pela maioria”, enfatiza.

Marcas autorais participantes

O MS Fashion Week contará com uma programação cheia para quem ama moda. O Sebrae-MS, por exemplo, apresentará cinco marcas autorais e locais nas passarelas. São elas: Bocaiúva Moda Inclusiva, Divino Santo com alpargatas e acessórios, Fernandes Alfaiate que é uma oficina de roupas masculinas, Czarina Lingerie que apresenta moda íntima com sensualidade e conforto; Cantinho da Josi Ateliê que confecciona vestidos e saias de crochê.

O line up com todos os desfiles será divulgado nas redes sociais do evento. Outros destaques da programação são Salão de Negócios, Pop Up Store, Fashion Home, Praça Gourmet, Área Vip e Fashion Talks.

Desfiles

Entre os desfiles confirmados está o Ateliê Kako, marca própria da estilista Claudia Ferraz, que desenvolve coleções exclusivas com grade reduzida focada em alfaiataria e tecidos naturais.

Também estará presente no evento Zanir Furtado, primeira marca de bolsas de couro de MS inspirada e produzida no Pantanal, que tem como proposta a elegância, poder e originalidade.

Além das estilistas locais, o evento também recebe estilistas nacionais como André Castro, estilista da Mar Del Castro com moda Beach Couture (Fortaleza-CE), Kallil Nepomuceno, Pri Marchioni e Victor Dzenk.

Serviço

A entrada para os desfiles é exclusiva para convidados das marcas e parceiros. A entrada do evento é a doação de pacote de absorvente feminino. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas por este link.

O MS Fashion Week será realizado de 15 a 18 de novembro do Bosque Expo, no Shopping Bosque dos Ipês, das 16h às 22h.