Geral

Problema cardíaco mata o jornalista Ramão Cabreira em Campo Grande

O jornalista já havia sido operado por problemas cardíacos 

Midiamax Publicado em 12/01/2015, às 12h32

None
ramao_navirai.jpg

O jornalista já havia sido operado por problemas cardíacos 

O jornalista Ramão Cabreira, de 50 anos, morreu no início desta segunda-feira (12) na Santa Casa de Campo Grande. Ele sofria de problemas cardíacos e chegou a ser internado no domingo. Em 2014 ele passou por uma cirurgia no coração quando foram colocadas válvulas no órgão a fim de melhorar o funcionamento.

Ramão foi militante do PT (Partido dos Trabalhadores) de Mato Grosso do Sul e trabalhou no governo do ex-governador Zeca do PT. De acordo com o ex-governador, a morte do jornalista representa uma perda lamentável para a profissão e para o partido.

“Estou muito triste! Ele faz parte da história do PT regional. Era um militante solidário, sensível, bem como um grande profissional”, ressalta Zeca.

O jornalista Ricardo Paredes destacou o trabalho de Ramão. “Fui muito próximo dele em 1990. Nesta época foi lançado na Rádio Difusora e até então cobria eventos esportivos no bairro onde morava”, conclui.

O velório do jornalista está previsto para acontecer nesta segunda-feira, a partir das 14 horas, na Pax Real da Avenida Bandeirantes em Camo Grande.

Jornal Midiamax