Marca é acusada de machismo após lançar linha de esmalte inspirada em homens

Campanha da Risqué gerou polêmica nas redes sociais porque enalteceria ações corriqueiras de homens, dizem mulheres
| 24/03/2015
- 15:01
Marca é acusada de machismo após lançar linha de esmalte inspirada em homens

Campanha da Risqué gerou polêmica nas redes sociais porque enalteceria ações corriqueiras de homens, dizem mulheres

A marca de esmaltes Risqué lançou, nesta segunda-feira (23), a linha “Homens que Amamos”, inspirada nos homens que, segundo a marca, “fazem a diferença na vida dos consumidores”. A ação não foi bem recebida pelas mulheres, no entanto.

A empresa batizou as cores da nova linha com nomes como “André fez o jantar”, “Fê mandou mensagem” e “João disse eu te amo”. Nas redes sociais, internautas acusam a campanha de machista.

A questão levantada pelas consumidoras é a de que, para agradar as mulheres, a marca engrandece ações corriqueiras que deveriam ser naturais para os homens, como fazer o jantar.

No Twitter, as mulheres criaram a hashtag #homensrisqué, listando ações masculinas machistas que são vistas todos os dias e consideradas normais.

Em nota, a Risqué afirmou que “seu portfólio apresenta cores regulares, como os grandes clássicos Renda e Gabriela, e lança coleções semestralmente, com temas do cotidiano, como as recentes linhas inspiradas no futebol, na fé e em viagens. A coleção ‘Homens que Amamos’ foi inspirada em gestos de carinho e respeito vindos de pessoas que amamos. A marca considera todo tipo de discussão positiva e reafirma que está sempre atenta aos comentários de seus consumidores.”

Últimas notícias