Geral

Moradores do Jardim Aero Rancho reclamam de engarrafamento diário na Norte Sul

Moradores do Jardim Aero Rancho reclamam de fila de carros que se forma em virtude do mau funcionamento de um semáforo. A sinalização fica no cruzamento da Avenida Ernesto Geisel com a Rua Ezequiel Ferreira Lima, onde também há a Escola Municipal Rafaela Abrão, por onde passam muitas crianças. De acordo com a administradora Cléo […]

Arquivo Publicado em 02/10/2014, às 11h18

None
233421685.jpg

Moradores do Jardim Aero Rancho reclamam de fila de carros que se forma em virtude do mau funcionamento de um semáforo. A sinalização fica no cruzamento da Avenida Ernesto Geisel com a Rua Ezequiel Ferreira Lima, onde também há a Escola Municipal Rafaela Abrão, por onde passam muitas crianças.

De acordo com a administradora Cléo Ramos, que passa pelo local todos os dias, a sensação é como se estivesse morando em um país desorganizado. “Até parece que estou na Índia, com aquele trânsito louco que vemos na televisão. Por que eu nunca vejo os guardas de trânsito para orientar?”, questiona.

A técnica de enfermagem Devair Teodoro Carvalho informa que esse problema já é antigo. “Isso ocorre há mais de um mês, de manhã e à tarde. E o agravante é que passa muita criança por aqui por causa da escola”, explica.

A reportagem do Jornal Midiamax entrou em contato com a Escola Rafaela Abrão e uma funcionária, que preferiu não ser identificada, confirmou o transtorno. “Hoje quando eu estava chegando para trabalhar não conseguia ver o final da fila de carros. Muita gente buzina e o engarrafamento se prolonga no tempo sem que ninguém resolva”, relata.

Por sua vez, a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) informou através do departamento de sinalização semafórica que uma equipe foi até o local a fim de resolver o problema.

Conforme Mauro Chaves, chefe deste departamento da Agetran, o problema está no sincronismo. A Agetran, disse, ainda, que a população pode entrar em contato no telefone 3384-1479 ou 118 para denunciar qualquer defeito na sinalização eletrônica.

Jornal Midiamax