Geral

Leilão da Receita lota auditório da Semed na Capital

O leilão da Receita, que está sendo realizado na tarde desta quarta-feira (6), lotou o auditória da Semed (Secretaria Municipal de Educação). Leitor do Midiamax enviou imagens do leilão de mercadorias apreendidas pela Sefaz (Secretaria de Estado da Fazenda do Mato Grosso do Sul) em fiscalizações rotineiras e por sonegação de impostos. Pessoas estão sentadas […]

Arquivo Publicado em 06/08/2014, às 17h00

None
1202572646.jpg

O leilão da Receita, que está sendo realizado na tarde desta quarta-feira (6), lotou o auditória da Semed (Secretaria Municipal de Educação). Leitor do Midiamax enviou imagens do leilão de mercadorias apreendidas pela Sefaz (Secretaria de Estado da Fazenda do Mato Grosso do Sul) em fiscalizações rotineiras e por sonegação de impostos.
Pessoas estão sentadas no chão.

Serão 240 lotes, e neles se encontra de tudo. Ar condicionado, freezer, sofás, fogão e televisores, a roupas, calçados e cosméticos. Não faltam também mercadorias curiosas como luvas de boxe, faca para cortar papel, rolos de barbante, balde veterinário, avental, porta pão, aparelho e ceras para depilação, além de alimentos como azeitonas, azeites, patê e alcaparras.

O pregão estará sob o comando da leiloeira oficial Regina Aude. Os preços iniciais são convidativos. Um ar condicionado Eletrolux 10.000 BTU´s tem lance a partir de R$ 180; um freezer horizontal branco por R$ 150; 10 pias em inox R$ 270; 26 bolas de futebol R$ 140; 10 tablets R$ 300,00; uma impressora HP R$ 60.

A visitação estará aberta no Prédio da Coofimt (Coordenadoria de Fiscalização de Mercadoria em Trânsito), na Rua Delegado José Alfredo Hardman, s/n, Parque dos Poderes (próximo ao TRE/MS), em Campo Grande.

Podem participar do leilão tanto pessoas físicas quanto jurídicas de qualquer natureza, estabelecidas em território nacional. A exceção fica para aquelas que estejam cumprindo penalidade de suspensão para contratar com a administração pública ou que integrem a comissão de leilão.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Midiamax

O leitor enviou as imagens pelo WhatsApp da redação, no número (67) 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem diretamente com os jornalistas do Midiamax. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total anonimato garantido pela lei.

Jornal Midiamax