Geral

Comerciante é executado com pelo menos 15 tiros de pistola na fronteira de MS

Um comerciante foi morto com tiros de pistola no fim da tarde desta terça-feira (18), em Ponta Porã a 346 km de Campo Grande. De acordo com informações apuradas pelo site Repórter MS, Peterson Velilha teria sido morto com pelo menos oito tiros de fuzil calibre 227 e sete tiros de pistola calibre nove milímetros. […]

Arquivo Publicado em 18/02/2014, às 22h00

None
1276147379.jpg

Um comerciante foi morto com tiros de pistola no fim da tarde desta terça-feira (18), em Ponta Porã a 346 km de Campo Grande. De acordo com informações apuradas pelo site Repórter MS, Peterson Velilha teria sido morto com pelo menos oito tiros de fuzil calibre 227 e sete tiros de pistola calibre nove milímetros.


Ainda conforme o Repórter MS, o crime aconteceu na frente de uma escola, no momento em que a vítima foi buscar o filho. Velilha teria estacionado o carro que conduzia e foi cercado pelos pistoleiros.


Os suspeitos dispararam várias vezes contra a vítima que morreu no local. As polícias Civil e Militar foram acionadas e a Polícia Nacional do Paraguai também esteve no local. Um dos policiais informou que o objetivo era dar apoio aos policiais brasileiros, já que os criminosos provavelmente atravessaram para o lado paraguaio da fronteira.


Um familiar de Velilha  que esteve no local relatou que o sobrinho possuía uma revenda de sementes para agricultura em Pedro Juan Caballero. Ele afirmou que no primeiro momento, a família não tem nenhuma pista sobre quem seriam os autores da execução.

Jornal Midiamax