Geral

Maracaju amplia acesso à vacina contra hepatite “B”

A Prefeitura de Maracaju através da Secretaria de Saúde estará realizando a partir de desta segunda-feira dia (22), uma Campanha de Vacinação Extra contra a Hepatite “B”. Homens e mulheres de 20 a 49 anos poderão receber a vacina gratuitamente em qualquer unidade de saúde do município.  Esta é uma ação alusiva ao Dia Mundial de […]

Arquivo Publicado em 21/07/2013, às 23h13

None

A Prefeitura de Maracaju através da Secretaria de Saúde estará realizando a partir de desta segunda-feira dia (22), uma Campanha de Vacinação Extra contra a Hepatite “B”.

Homens e mulheres de 20 a 49 anos poderão receber a vacina gratuitamente em qualquer unidade de saúde do município.  Esta é uma ação alusiva ao Dia Mundial de Combate a Hepatite “B”.  A vacinação acontece no período de 22 de julho (segunda-feira) a 26 de julho (sexta-feira).

Doença


As hepatites são doenças que atacam o fígado, um dos órgãos mais importantes do corpo humano. Estimativas apontam que 2,3 milhões de brasileiros são portadores das hepatites, sendo (800 mil) do tipo B e (1,5 milhão) do tipo C. Toda a produção da vacina de hepatite B é feita pelo Instituto Butantan.

A hepatite B é uma doença sexualmente transmissível, mas também pode ser transmitida pelo contato com sangue e por materiais cortantes contaminados, como alicate de unha. É importante também sempre usar materiais esterilizados ou descartáveis em estúdios de tatuagem e piercing, serviços de saúde, acupuntura, procedimentos médicos, odontológicos e hemodiálise.

Sintomas


Nem sempre a hepatite B apresenta sintomas. Quando aparecem, podem provocar cansaço, tontura ou ânsia de vômito. A pessoa pode levar anos para perceber que está doente. O diagnóstico e o tratamento precoce podem evitar a evolução da doença para cirrose ou câncer de fígado, por exemplo. O teste, o tratamento e o acompanhamento das hepatites virais estão disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS).

Jornal Midiamax