Geral

População terá acesso grátis à internet nos terminais de ônibus de Campo Grande

Depois de instalar a Internet Morena na Praça Ary Coelho, Feira Central e no Ponto de Integração Avedis Balababuan, o Instituto Municipal de Tecnologia da Informação (IMTI) amplia o acesso à internet gratuita para os usuários de transporte coletivo, com a instalação de banda de acesso nos terminais de transbordo General Osório, Bandeirantes, Morenão, Júlio […]

Arquivo Publicado em 31/07/2012, às 14h11

None
873873509.jpg

Depois de instalar a Internet Morena na Praça Ary Coelho, Feira Central e no Ponto de Integração Avedis Balababuan, o Instituto Municipal de Tecnologia da Informação (IMTI) amplia o acesso à internet gratuita para os usuários de transporte coletivo, com a instalação de banda de acesso nos terminais de transbordo General Osório, Bandeirantes, Morenão, Júlio de Castilho, Nova Bahia, Aero Rancho, Guaicurus, e Terminal das Moreninhas. O investimento está estimado em R$ 100 mil, com recursos próprios do Município. A solenidade de ativação da internet sem fio será quinta-feira (2), às 9h30, no Terminal General Osório, localizado na avenida Coronel Antonino.


No mesmo instante da solenidade, a internet entra em funcionamento também nos outros sete terminais. Segundo o diretor de Infraestrutura de Tecnologia do IMTI, Cleiton da Silva, o alcance da internet instalada nos oito terminais será de 100 metros. “O objetivo da administração do prefeito Nelson Trad Filho é facilitar o acesso à internet dos usuários de transporte coletivo. Eles terão serviços de visualização de email, acesso às redes sociais. Tudo isto de forma rápida”, argumenta.


Como funciona


Uma vez instalados os pontos de acesso nos locais definidos, qualquer dispositivo móvel compatível com Wi-fi (padrões IEEE 802.11 a/b ou g) dentro do raio de alcance receberá o sinal gratuitamente. O usuário poderá se conectar usando smartphones, netbooks, notebooks ou outros dispositivos com capacidade Wi-fi dentro dos padrões acima.


Na primeira conexão na região coberta pelo sinal, o usuário deverá abrir seu navegador e digitar o endereço www.capital.ms.gov.br/internetmorena para que, assim, ele seja direcionado para um formulário de cadastro. Depois de informar seus dados, o usuário receberá uma senha para acesso. A partir de então, o cidadão acessará o sistema com sua senha e login pessoal.


O cadastro dos usuários é uma medida de segurança que visa prevenir o uso da rede de forma indevida e, também, de possíveis crimes virtuais. O serviço garante uma banda de acesso de 20kbps a 100 kbps, a chamada banda social, conforme regulamentação do Programa Nacional de Banda Larga.


Para que o cidadão que utiliza o programa tenha um atendimento eficiente, o IMTI oferece um suporte técnico e de informações através do email [email protected] e de segunda à sexta, das 7h às 18h pelo telefone (67) 3314-3333.


Opinião dos usuários


Ao saber que o terminal de transporte coletivo do bairro Nova Bahia vai ser equipado com internet gratuita, o estudante Mateus Medina, 15 anos, comemorou a novidade. “É mais um entretenimento pra gente. Agora, a gente vai passar por aqui e ter a possibilidade de acessar a internet. Muito bom mesmo, ainda mais que tudo é de graça”, elogiou o adolescente.


Para a estudante Neurieli Servim, 17, o investimento tecnológico que a Prefeitura está fazendo é muito importante. “É um trabalho muito bom, principalmente para nós que somos estudantes. Vamos aguardar a chegada do ônibus fazendo pesquisa e navegando pela internet. Gostei desta novidade da Prefeitura”, destacou.


Na opinião da vendedora Dorandina de Castro Camargo, 45, as pessoas vão ficar mais informadas do que acontece em todo o mundo. “A internet é um meio rápido de a gente obter informações. A gente acessa o que quiser e escolhe a noticia que vai ler”, comentou.


Para a dona de casa Ana Lúcia, 33, a internet gratuita nos terminais vai ser importante para todas as faixas etárias, adultos, jovens e crianças. “Quem tiver um celular, vai chegar ao terminal de transporte coletivo e acessar a internet. Gostei da novidade”, comentou.

Jornal Midiamax