Geral

Michel Teló recebe título de Cidadão Sul-Mato-Grossense

“Me sinto honrado com esse título; Mato Grosso do Sul já estava no meu coração”, diz cantor

Arquivo Publicado em 27/08/2012, às 12h55

None
1004848233.jpg

“Me sinto honrado com esse título; Mato Grosso do Sul já estava no meu coração”, diz cantor

No aniversário dos 113 anos de Campo Grande quem recebeu o presente foi o cantor Michel Teló, que foi condecorado com o título de Cidadão Sul-Mato-Grossense, em solenidade nesta noite (26). Logo depois, o cantor retribuiu com o show musical alusivo ao aniversário da Capital.


A homenagem foi feita pelo deputado estadual Marcio Fernandes (PTdoB), vice-líder do governo, que propôs o título e o entregou pessoalmente no hotel onde o cantor estava hospedado, na cidade. Excepcionalmente, a homenagem foi realizada fora da Assembleia Legislativa, em razão da tumultuada agenda do músico.


Nascido em Medianeira (PR), em 21 de janeiro de 1981, Michel mudou-se ainda criança para Campo Grande, cidade na qual permaneceu até atingir sucesso internacional. Agora, por razões logísticas, conforme justificou Michel, ele teve que se mudar para São Paulo (SP).


Para se ter uma ideia do sucesso do cantor, na atual turnê ele já passou por 17 países, sempre divulgando Campo Grande e Mato Grosso do Sul por onde tem andado.


Para Michel, o recebimento do título representou uma emoção incrível, “é o reconhecimento do povo daqui”. Disse ainda: “Eu sempre tenho a honra de falar que sou daqui, eu me sinto honrado com o título; Mato Grosso do Sul já estava no meu coração”.


“A homenagem é mais que justa a esse músico que Mato Grosso do Sul já adotou, que divulga nossa cultura e música no exterior”, disse Marcio Fernandes. O deputado disse ainda que, sem dúvida, Michel já era sul-mato-grossense, “nós estamos apenas oficializando”, comentou o parlamentar.


Sorridente o tempo inteiro da solenidade e durante a entrevista coletiva subsequente, Michel agradeceu bastante ao deputado, à sua família, aos fãs, aos amigos.


Carreira – Michel começou a cantar bem cedo. Aos 12 anos ele já era considerado um cantor profissional. Nessa época, ele era integrante do Grupo Guri, mas foi no Grupo Tradição que ficou conhecido nacionalmente.


Com o Tradição, Michel participou de mais de 10 álbuns. Após milhares de apresentações com o grupo, em 2009, o cantor decidiu seguir carreira solo. Em 2010, ele lançou o álbum “Fugidinha”, responsável por alguns hits. Mas foi em 2011 com a música “Ai, se eu te pego” que o sertanejo se consagrou, ganhando notoriedade internacional.


A música atingiu o primeiro lugar nas paradas de Portugal, Espanha e Itália, entre muitos outros. Também bateu o recorde da canção brasileira com maior número de visualizações do You Tube, com mais de 400 milhões de acessos. Ainda em 2011, foi a décima pessoa mais buscada no site Google Brasil.


Michel, agora, dá continuidade à sua história de sucesso com a dedicação e alegria que o Brasil inteiro conhece, consagrando-se como um dos maiores expoentes da moderna música sertaneja.

Jornal Midiamax