Na próxima quarta-feira (17) das 07h30 às 17h, no km 454 da BR 163 , Posto de fiscalização da Polícia Rodoviária Federal conhecido como “21” na região de Campo Grande, será realizado o segundo “Comando de Saúde” deste ano.

Este projeto foi desenvolvido por intermédio de ações voltadas para a redução de acidentes de trânsito nas rodovias federais. Tais ações visam detectar e alertar motoristas profissionais sobre alterações nos parâmetros de saúde que podem prejudicar ou impedir a condução de veículos automotores, educar e orientar motoristas profissionais quanto a questões relacionadas à saúde e ao trânsito, bem como, obter indicadores estatísticos acerca do perfil dos condutores que fazem da direção automotora sua profissão.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) enumerou 10 (dez) fatores principais que norteiam a questão da segurança viária, sendo:

1 – Mais de 1,3 milhão de pessoas morrem por ano em acidentes de trânsito em todo o mundo;

2 – Cerca de 50 milhões de pessoas se ferem ou ficam com sequelas permanentes de acidentes de trânsito em todo o mundo;

3 – Metade das vítimas são os usuários mais vulneráveis das vias: pedestres, ciclistas e motociclistas;

4 – Acidentes de trânsito custam até 4% do Produto Interno Bruto de muitos países;

5 – Quando corretamente utilizados, cintos de segurança podem reduzir o risco de morte em um acidente em 61%;

6 – O uso obrigatório de assentos especiais para crianças nos veículos podem reduzir a morte de crianças em 35 %;

7 – Capacetes diminuem até 45% os ferimentos fatais ou severos na cabeça;

8 – Reforçar leis sobre bebida e direção em todo mundo poderia reduzir em 20% os acidentes relacionados ao álcool;

9 – Para 1 km/h reduzido na velocidade média, há uma queda de 2% no número de acidentes;

10 – Medidas simples e baratas de engenharia nas vias, como faixas de segurança, podem salvar milhares de vida.