Geral

Cartilha dá dicas para ajudar mulheres vítimas de violência

A Secretaria de Estado dos Direitos Humanos (SEDH), do Ministério da Justiça, lançou hoje cartilha com dicas para ajudar mulheres vítimas de violência doméstica. O lançamento aconteceu no Rio de Janeiro, durante o seminário “Cidadania das Mulheres: tecendo uma rede de solidariedade”. Ir para fora de casa numa situação de conflito, fugindo de locais com […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

A Secretaria de Estado dos Direitos Humanos (SEDH), do Ministério da Justiça, lançou hoje cartilha com dicas para ajudar mulheres vítimas de violência doméstica. O lançamento aconteceu no Rio de Janeiro, durante o seminário “Cidadania das Mulheres: tecendo uma rede de solidariedade”.

Ir para fora de casa numa situação de conflito, fugindo de locais com acesso fácil a facas, levar as crianças para evitar que sejam usadas como objeto de chantagem e manter algum dinheiro escondido são algumas das orientações que a cartilha traz.

Dados levantados pela SEDH revelam que as mulheres só buscam ajuda depois de terem sido agredidas dez vezes, em média. Os companheiros, maridos, namorados ou ex-namorados são os responsáveis por 80% das mortes violentas de mulheres no Brasil. Estudo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) aponta que 25% dos dias de trabalho parados de mulheres têm como causa a violência doméstica.

Jornal Midiamax