Geral

Alunos recebem resultados do Enem em novembro

Cada participante do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) receberá, a partir da segunda quinzena de novembro, no endereço indicado no ato da inscrição, o Boletim Individual de Resultados. Constarão, nesse boletim, duas notas: uma para a parte objetiva da prova e outra para a redação e, ainda, uma interpretação dos resultados obtidos para cada […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Cada participante do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) receberá, a partir da segunda quinzena de novembro, no endereço indicado no ato da inscrição, o Boletim Individual de Resultados.

Constarão, nesse boletim, duas notas: uma para a parte objetiva da prova e outra para a redação e, ainda, uma interpretação dos resultados obtidos para cada uma das cinco competências avaliadas nas duas partes da prova. Os resultados individuais são sigilosos.

As escolas, que tiveram mais de 90% de seus alunos matriculados na terceira série do ensino médio presentes ao Enem, poderão solicitar um boletim com a média dos resultados de seus estudantes.

Esse boletim informa também a nota média do País, possibilitando uma comparação dos resultados. O documento, que poderá solicitado pelo e-mail: [email protected], é gratuito para as escolas públicas. Para as escolas particulares será cobrada a taxa de R$5,00 por aluno.

Este ano, em todo o País, 338 instituições de ensino superior utilizarão os resultados do Enem em seus vestibulares. Em 1998, apenas duas instituições levavam em conta a nota do Exame nos seus critérios de seleção. O número de universidades públicas que usam os resultados do Enem passou de uma (a Universidade Federal de Ouro Preto/MG) para 44, sendo 19 federais, 17 estaduais e oito municipais.

As instituições têm utilizado os resultados do Enem de diferentes maneiras nos seus processos seletivos. Em alguns, contam ponto na primeira fase e em outras substituem a fase inicial. Há também aqueles que resevam vagas para os estudantes com as melhores médias e as que substituíram seu vestibular pelo Enem.

Jornal Midiamax