O jogo que pode acabar de vez com os riscos de queda do Corinthians no Brasileirão foi antecipado. Isso porque a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) informou nesta terça-feira (14) que atendeu pedido da TV Globo e o duelo com o Bahia, na Neo Química Arena, na abertura da 35ª rodada, será na sexta-feira, dia 24 de novembro, às 20h (de MS), véspera da eleição presencial.

“Ajuste na grade de transmissão da detentora dos direitos”, explicou a CBF em seu site oficial. Antes, a partida estava agendada para o sábado (25), às 18h30, no estádio corintiano, e também abriria a rodada pós Data Fifa. Então, o horário noturno era para não atrapalhar no pleito entre André Negão e Augusto Melo para a vaga de Duílio Monteiro Alves, agendado para terminar às 17h.

Dessa forma, os corintianos poderão votar sem pressa. O fim de semana corintiano, contudo, será cheio. Além do jogo do Brasileirão na sexta-feira e a eleição no sábado, o time feminino ainda faz a final do Paulistão com o São Paulo no domingo.

Corinthians mantém programação

Mesmo com a mudança do jogo, o Corinthians não vai modificar a programação. Assim, depois de ganhar do Grêmio, por 1 a 0, em Porto Alegre, Mano Menezes deu dois dias e meio de folga ao elenco. Alguns clubes ficarão descansando por 5 nesta pausa para Data Fifa. Dessa forma, a reapresentação ocorre na quarta à tarde e sábado novamente o elenco estará livre das atividades.

Para o jogo, o zagueiro Gil, poupado em Porto Alegre por desgaste muscular, retorna à defesa para formar dupla com Lucas Veríssimo. Resta saber quem será a opção na reserva com as suspensões de Bruno Méndez, expulso, e Caetano, que levou o terceiro cartão amarelo.

Mano Menezes preservou Yuri Alberto no Sul após o atacante ser bastante ofendido por causa dos gols desperdiçados diante do Atlético-MG. Mas deve recolocar o atacante na equipe diante do Bahia, jogo no qual a vitória alivia de vez a vida corintiana no Brasileirão. Assim, Wesley voltaria para o banco.