Pikachu faz 2, Fortaleza vence Ceará e fica perto das quartas da Copa do Brasil

| 22/06/2022
- 22:13
Pikachu faz 2, Fortaleza vence Ceará e fica perto das quartas da Copa do Brasil
O jogo de volta será em 13 de julho, às 20h, também na Arena Castelão (reprodução/Fortaleza)

Com dois gols de Yago Pikachu, o Fortaleza colocou um pé nas quartas de final da Copa do Brasil, ao derrotar o arquirrival Ceará, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, na Arena Castelão. Além disso, quebrou um tabu de nove partidas sem vencer quando atuava como mandante.

O jogo de volta será em 13 de julho, às 20h, também na Arena Castelão. O Fortaleza pode perder por um gol de diferença que estará nas quartas de final e acumulará uma premiação de R$ 3,9 milhões. O Ceará, que não perdia há 12 jogos, terá que ganhar por três gols ou mais.

O clássico já foi disputado 603 vezes, com 202 vitórias do Ceará, 183 do Fortaleza. Outros 218 jogos terminaram empatados.

O primeiro tempo foi truncado, com muitos erros de passes e várias faltas, resultando em quatro cartões amarelos, sendo três para o Fortaleza e um para o Ceará. O jogo faltoso fez a bola rolar pouco na Arena Castelão.

Apesar disso, o Ceará demonstrou mais vontade de vencer e arriscou muito com Vina. O meia tentou chamar a responsabilidade e buscou alguns arremates de fora da área, sem sucesso. Richard Coelho também tentou, mas parou na defesa de Marcelo Boeck.

O Fortaleza, através de Moisés, que entrou na partida por causa da contusão de Robson, colocou fogo na partida, mas o atacante errou um passe fácil para Silvio Romero e, quando chutou, parou em João Ricardo.

No segundo tempo, o Fortaleza entrou no embalo de sua torcida e abriu o placar aos sete minutos. Moisés avançou e tocou para Felipe, que chutou. A bola desviou em Luiz Otávio e parou nos pés de Yago Pikachu. Ele encheu o pé para abrir o marcador.

Com o placar a favor, o Fortaleza começou a ter o controle do jogo. tentou mexer, mas a falta de mobilidade jogou contra o próprio Ceará. Melhor para o time tricolor, que teve um pênalti marcado depois que Yago Pikachu foi derrubado por João Paulo. O próprio Pikachu bateu e fez 2 a 0.

O Ceará ainda foi para o tudo ou nada nos minutos finais. Após cobrança de escanteio, Victor Luís colocou na cabeça de Luiz Otávio, mas Marcelo Boeck salvou com uma linda defesa.

FICHA TÉCNICA

FORTALEZA 2 X 0 CEARÁ

FORTALEZA - Marcelo Boeck; Ceballos, Marcelo Benevenuto e Titi; Yago Pikachu, Felipe (Lucas Lima), José Welison, Ronald (Matheus Vargas) e Juninho Capixaba; Robson (Moisés/Habraão) e Silvio Romero (Depietri). Técnico: Juan Vojvoda.

CEARÁ - João Ricardo; Nino Paraíba, Messias, Luiz Otávio e Bruno Pacheco (Victor Luís); Richard Coelho (Fernando Sobral), Richardson, Rodrigo Lindoso (Iury Castilho), Lima (Erick) e Vina; Cléber (Matheus Peixoto). Técnico: Marquinhos Santos.

GOLS - Yago Pikachu, aos sete e aos 39 minutos do segundo tempo

ÁRBITRO - Wagner do Nascimento Magalhaes (RJ)

CARTÕES AMARELOS - Felipe, Juninho Capixaba, Robson e Ronald (Fortaleza); Iury Castilho, João Ricardo, Messias, Richard Coelho e Richardson (Ceará)

RENDA - R$ 617.227,00

PÚBLICO - 29.876 torcedores

LOCAL - Arena Castelão, em Fortaleza (CE).

Veja também

Termos como socialismo e comunismo também estão proibidos

Últimas notícias