Palmeiras atropela Corinthians na Arena Barueri e ganha a primeira no Brasileirão

Os dois têm compromissos no meio de semana pela Libertadores
| 23/04/2022
- 20:41
palmeiras-x-corinthians
Ficou claro que o Palmeiras, hoje, está em um estágio bastante avançado em relação ao Corinthians - (Foto: Reprodução)

Demorou, mas veio a primeira vitória do Palmeiras no Brasileirão. E foi um atropelo diante do Corinthians, seu maior rival. Com uma exibição convincente, o time de Abel Ferreira dominou o adversário ontem no primeiro dérbi da história da Arena Barueri e ganhou fácil, por 3 a 0.

O triunfo foi construído parte pelo alto, com dois gols de cabeça de Gómez e Rony, ambos na etapa inicial, e mais um golaço de Dudu, selando a vitória no segundo tempo.

Mais uma vez ficou claro que o Palmeiras, hoje, está em um estágio bastante avançado em relação ao Corinthians. A equipe de Abel Ferreira sabe e consegue o que quer com naturalidade. São movimentados coordenados e uma intensidade e maturidade que impressionam.

Mesmo quando estava com três gols de vantagem, não tirou o pé e seguiu no ataque, impedindo que o rival pressionasse. Vítor Pereira já havia conseguido melhorar a equipe alvinegra, mas está evidente que o trabalho ainda é longo e o time está em formação.

Com o primeiro triunfo no Brasileirão, o Palmeiras chega aos cinco pontos e sobe na tabela. O Corinthians permanece com seis, ainda entre os líderes.

Os dois têm compromissos no meio de semana pela Libertadores. Na terça, o Corinthians encara o Boca Juniors em casa, na Neo Química Arena, em um duelo decisivo. Líder de seu grupo, o Palmeiras visita o Emelec no a fim de manter os 100% de aproveitamento no torneio continental.

A diretoria do Corinthians promoveu um apagão nas em protesto contra episódios de violência, com ameaças a jogadores, e fake news. O clube não publicará nada em suas redes nem fará nenhuma ação de comunicação será realizada entre as 10h de sexta-feira (22) e 10h de segunda-feira. Não houve sequer entrevistas dos atletas. Ao que parece, o apagão se estendeu ao desempenho em campo.

O time alvinegro foi dominado pelo Palmeiras. A equipe de Abel Ferreira, intensa e agressiva como costuma ser, pressionou o rival em seu campo de ataque e conseguiu dois gols muito semelhantes no primeiro tempo, pelo alto, em um intervalo de cinco minutos. Raphael Veiga cobrou os escanteios para Gómez e Rony marcarem de cabeça, aos 13 e aos 18 minutos.

Os mandantes não jogaram no Allianz Parque mas se sentiram em casa. Poderiam ter descido ao intervalo com vantagem ainda mais confortável. Veiga quase marcou em linda cobrança de falta defendida por Matheus Donelli. Foram nove finalizações contra cinco do Corinthians, que bastante modificado, sem Renato Augusto e Willian, quase nada produziu ofensivamente.

Com liberdade para pensar, criar e executar, o Palmeiras continuou dominante e empilhou chances na segunda etapa. Zé Rafael mandou um potente chute na trave e Rony foi às redes de novo, mas estava impedido. Não fez falta. Minutos depois, Dudu resolveu. O camisa 7 fez bonita jogada individual até acertar com a canhota o canto de Matheus Donelli e fechar o placar.

Impressionou que a intensidade palmeirense foi mantida na segunda etapa. Mesmo com o triunfo assegurado, o time não reduziu o ritmo, de modo que não deixou o rival pensar. Marcou em cima, forçou o erro dos corintianos e poderia ter deixado a Arena Barueri com uma goleada histórica.

Veja também

O Internacional não repetiu na Sul-Americana, nesta terça-feira, as boas atuações do Campeonato Brasileiro e...

Últimas notícias