Esportes

Tite celebra entrada de jovens na seleção e elogia partida contra a Colômbia

O técnico lamentou o curto período de recuperação

Agência Estado Publicado em 10/10/2021, às 22h49

Assessoria/CBF
Assessoria/CBF

O técnico Tite comentou sobre a boa entrada dos meias Raphinha e Antony em mais um jogo da seleção e destacou que essa implementação de jovens atletas é uma fase importante da construção da equipe. O treinador também elogiou a qualidade do jogo contra a Colômbia, que, segundo ele, teve menos antijogo que a última vez que as equipes se enfrentaram, na Copa América

"Estamos numa fase importante de entrada de atletas, resgatar jovens e botar para jogar. Foi um jogo que marca uma esfera, com retorno de público, com uma equipe importante como a da Colômbia Diferente do último jogo, hoje teve menos antijogo, teve mais qualidade técnica das duas equipes. Foi um jogo de bom nível", afirmou o treinador.

Após derrotar a Venezuela de virada, o Brasil já viajou para enfrentar a Colômbia em Barraquilla, três dias depois. O técnico lamentou o curto período de recuperação e, questionado sobre as atuações de Gabriel Jesus e Gabriel, disse que a variação no nível de atuações é normal.

"Nós jogamos hoje (domingo) com 66 horas de recuperação, foi muito difícil. Nesse período, você não está fisiologicamente recuperando. Faz parte do jogo, do contexto. Uns vão estar bem, outros menos. Não vai ter jogadores inspirados a todo momento, o tempo todo", comentou.

Uma das mudanças de Tite para o jogo deste domingo foi no meio-campo. A dupla de volantes foi formada por Fred e Fabinho. O técnico também analisou a participação ofensiva dos dois atletas.

"Futebol é de peso e contrapeso, é de equilíbrio. Alguns fazem alguma coisa para outros criarem mais. Quando tem Alex Sandro, Gabriel Barbosa, Neymar, Jesus e Paquetá, há cinco jogadores avançados para receber essa bola dos jogadores que vêm de trás. Cinco estão construindo para que outros possam criar, construir e finalizar", completou Tite.

Jornal Midiamax