Esportes

Corinthians derrota Sport no fim e vira líder provisório

Partida  teve sete gols e pênalti polêmico

Midiamax Publicado em 13/08/2015, às 02h32

None
lucianocorinthiansxsportfriedemannvogelgetty.jpg

Partida  teve sete gols e pênalti polêmico

O Corinthians poderia ter tido uma vitória tranquila, na noite de quarta-feira, mas resolveu premiar o torcedor que foi a Itaquera com o sofrimento de que ele tanto gosta. Depois de abrir dois gols de vantagem sobre o Sport, a equipe precisou de um pênalti muito contestado no final para vencer por 4 a 3.

Acompanhado empolgadamente pela atriz Alessandra Negrini, o suado triunfo colocou os comandados de Tite provisoriamente na primeira colocação do Campeonato Brasileiro, com 37 pontos – um a mais do que o Atlético-MG, que recebe o Grêmio na quinta-feira. A formação pernambucana, com 30, caiu para sexto lugar.

No equilibrado primeiro tempo, Luciano abriu o placar de carrinho, e André empatou pouco depois. Já nos acréscimos, Luciano completou um escanteio e fez 2 a 1, mas o Corinthians não parou no segundo tempo. O time buscou o ataque e chegou ao terceiro gol em lançamento longo de Jadson. Samuel Xavier tentou tirar de Malcom e marcou contra.

O confronto parecia decidido, porém a aposta do técnico Eduardo Baptista em Hernane Brocador deu resultado. O centroavante aproveitou um erro do jovem Guilherme Arana e descontou. Pouco depois, aos 31 minutos, recebeu cruzamento rasteiro da direita e se antecipou a Edu Dracena para empatar.

O Corinthians tentou se redimir dos erros partindo ao ataque. A jogada decisiva saiu dos pés de Guilherme Arana, que encarou a marcação pela esquerda e cruzou. No toque na mão de Rithely, Luiz Flávio de Oliveira – árbitro paulista cuja escalação havia sido contestada pelas duas equipes – viu pênalti. Jadson bateu no ângulo direito, aos 40 minutos, e decidiu o duelo.

Jornal Midiamax