As inscrições para o MS Supera, programa que paga bolsa de um salário mínimo para estudantes, começam na próxima segunda-feira (5). Serão 1,3 mil vagas ofertadas pelo Governo do Estado.

O novo programa concede o benefício social aos estudantes de baixa renda visando estimular a permanência e a conclusão da formação técnica ou acadêmica. O de curso de graduação ou educação profissional técnica – presencial ou a distância – receberá o valor de R$ 1.412 por mês. 

As inscrições vão até 30 de novembro e, segundo a titular da Sead (Secretaria de Estado de e dos Direitos Humanos), Patrícia Cozzolino, isso é um apoio àqueles em vulnerabilidade social para que passem a estudar em qualquer mês.

“É uma grande oportunidade que o abre para nossos estudantes e apoia, de fato, a permanência e conclusão dos estudos de muitas pessoas que não conseguiriam sem esse programa. No MS Supera também pensamos na população indígena do estado, reservando mais de 400 vagas só para esse público”, explica.

O MS Supera é gerenciado pela Sead e permite a inscrição de estudantes que comprovem renda individual de até um salário mínimo ou renda familiar não superior a três salários mínimos. Confira as exigências aqui.

A lei 6.135/2023, que institui o programa, também traz que verificada qualquer irregularidade na documentação apresentada ou a violação aos critérios para a concessão do benefício previsto na lei ou no regulamento, o pagamento do benefício será suspenso.

Inscrições para o MS Supera devem ser feitas no site www.sead.ms.gov.br

(Foto: Reprodução, Leandro Benites, UEMS)