O da em , localizada a cerca de 110km de , volta aos holofotes. Desta vez, o combustível alcançou a marca de R$ 7,19 – o que revoltou os moradores da cidade que dispõe de apenas dois locais para abastecimento.

Uma moradora de Dois Irmãos do Buriti diz estar revoltada com o preço da gasolina a R$ 7,19 na cidade. Ela explica que, em cidades próximas, a diferença é de quase R$ 2. “A diferença de preço é absurda. Em cidades como e Sidrolândia, que não são tão distantes, o valor é quase R$ 2 a menos”, lamentou.

Com o alto preço, a diferença entre abastecer em Dois Irmãos do Buriti e Campo Grande chega a R$ 1,90, uma vez que a gasolina é comercializada a R$ 5,29 na Capital. O Jornal Midiamax já havia relatado o preço consideravelmente mais alto em janeiro deste ano, após moradores reclamarem do valor de R$ 6,99.

Combustível no interior

O preço médio da gasolina comum nas cidades do interior de é cerca de R$ 5,85, com valores que variam entre R$ 4,95 e R$ 6,75, segundo os dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do Brasil).

Conforme levantamento da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do Brasil), o litro da gasolina comum mais acessível no interior do Estado está em Dourados, a 229 km de Campo Grande, único abaixo de R$ 5 e fixado em R$ 4,95. O preço mais alto entre os postos pesquisados é de R$ 6,75 em Corumbá, a 425 km de Campo Grande.

Fale com o Midiamax

Tem alguma denúncia, flagrante, reclamação ou sugestão de pauta para o Jornal Midiamax? Envie direto para nossos jornalistas pelo WhatsApp (67) 99207-4330. O anonimato é garantido por lei.

Acompanhe nossas atualizações no Facebook, Instagram e Tiktok