Quitar dívidas e ter o nome limpo é a principal preocupação de consumidores. Com esse foco, dezenas de pessoas foram, na manhã desta terça-feira (12), ao Procon de Campo Grande, para participar da 5ª edição da campanha ‘Estamos Quites'.

Até quinta-feira (14), consumidores podem renegociar dívidas com Águas Guariroba, Energisa, Claro, ACICG, Itau e Banco do Bradesco. Os serviços essenciais são os mais buscados no Procon e o principais motivos de dívidas de consumidores.

A ação acontece nos dias 12, 13 e 14 de setembro, com atendimento das 8 às 17h, na sede do Procon municipal, localizado na Avenida Afonso Pena, 3.128, centro de .

Negociar dívidas para comprar casa é prioridade

Vigilante de 53 anos foi até o local nesta manhã para negociar a dívida de uma moto, comprada há mais de 10 anos. Ele afirma que não sabia que tinha a dívida e só descobriu recentemente, ao tentar financiar um apartamento. “Faz muito tempo, era uma empresa que acho que nem existe mais, então estou correndo para tentar resolver esse problema”, conta ele.

A doceira Katia Silene da Silva Caballero, 45, foi até o local para resolver uma dívida com a Energisa de uma casa alugada que passa de R$ 7 mil. “Essa casa é alugada e este parcelamento eu não entendi nada, mas sei que a pode ser cortada hoje se eu não negociar isso. E à vista eu não tenho esse dinheiro”.

Já um técnico de ar-condicionado conta que tinha um cartão do Bradesco há mais de cinco anos, pagou as últimas parcelas e parou de usar, mas recentemente ao consultar seu CPF viu que existe um débito. “Vim hoje para tentar resolver porque é um débito pequeno e eu quero comprar uma casa”.

Renegociação de dívidas no Procon (Alicce Rodrigues, Midiamax)

Procon espera atender até 200 pessoas por dia

Subsecretário do Procon José Costa Neto afirma que essas campanhas são muito importantes para renegociar as dívidas de consumidores, principalmente com os serviços essenciais (água, luz e telefone).

“Temos condições de atender entre 150 a 200 pessoas por dia e vamos trabalhar os três dias para atender o máximo de pessoas possível. Serviços essenciais são os que mais demandam reclamações e onde primeiramente acontecem os endividamentos”, afirma o subsecretário.

Águas Guariroba

A concessionária de água de Campo Grande participa da campanha ‘Estamos Quites' e vai facilitar a quitação de dívidas, também terá descontos especiais e parcelamento em até 120 vezes.

Nos dias da ação, a empresa fará cadastro para , favorecendo famílias em situação de vulnerabilidade com 50% de desconto no pagamento das faturas de água e esgoto.

Para aderir ao programa, o interessado deve ter renda inferior a meio salário-mínimo vigente per capita; ser proprietário de um único imóvel exclusivo à sua moradia e de sua família ou possuir contrato de locação; ser consumidor monofásico de energia elétrica, cujo consumo não pode ultrapassar 220Kwh/mês e não consumir mais que 20m³/mês de água. Também tem direito pacientes com câncer ou doenças renais crônicas comprovadas por laudo, com renda per capita de até dois salários-mínimos.

Os documentos necessários para cadastro são: RG; CPF; Cartão Cidadão ou Número de Identificação Social (NIS); Comprovante de Renda (Carteira de ou outros); conta de Água atualizada; conta de luz atualizada. Em caso de câncer ou doença renal crônica, o usuário deverá apresentar laudo médico.

Energisa

Consumidores que possuem débitos com a Energisa, poderão renegociar suas dívidas. Haverá profissionais disponíveis analisar o histórico de cada cliente e ofertar condições de negociação.

Os consumidores também poderão solicitar o cadastro na tarifa social de energia elétrica, e sendo esse cadastro deferido, serão concedidos descontos que podem variar de acordo com o consumo família.

Para ter direito à tarifa social, que possibilita descontos de até 65% na fatura de energia, a família precisa estar com os dados atualizados no CadÚnico (Cadastro Único), do governo federal. Além disso, é necessário ter renda familiar menor ou igual a meio salário mínimo por pessoa, ou de até três salários mínimos no caso de residências que possuam algum morador dependente de aparelho elétrico para manutenção da vida. Se o consumidor estiver cadastrado com o NIS e consumir até 220kWh/mês, a conta dele pode zerar.

ACICG

A ACICG (Associação Comercial e industrial de Campo Grande) estará presente com a realização de consultas gratuitas do SCPC, ou seja, os consumidores poderão consultar seu CPF gratuitamente para saber se há alguma negativação.