O fotógrafo americano Eli Martinez registrou um momento incrível da natureza em Mato Grosso do Sul: uma verde digerindo a presa na beira do Rio Formoso, em , a 260 km de Campo Grande.

O profissional vem à região desde 2018 e na última fez os cliques que chamaram a atenção pelo tamanho da barriga da serpente. A havia ingerido uma capivara e estava em processo de digestão há mais de uma semana. 

“Estávamos procurando sucuris e encontramos uma deitada na superfície do rio, tomando sol. Temos visto ela em diferentes partes do rio. Ela estava digerindo sua refeição há mais de uma semana e ocasionalmente se movia. É incrivelmente lindo”, relatou o fotógrafo ao Midiamax. 

Eli afirma que tenta visitar o Brasil todos os anos na esperança de encontrar sucuris para nadar. “É uma das minhas viagens favoritas que organizamos”, garante. 

Outro registro marcante para o profissional foi feito em um ninho de uma sucuri em que ele e uma equipe precisaram se rastejar até o local. Sobre o clique, ele compartilhou que a cobra estava tranquila e ficaram por poucos momentos para fazer a foto e logo em seguida saíram de lá. 

“Uma das minhas imagens favoritas. Tivemos que caminhar por uma grama com 3 a 4 pés de altura e depois rastejar por esse enorme sistema de túneis criado pelas sucuris. É como elas viajam por terra de uma parte a outra do rio. Uma vez lá dentro, avançamos lentamente para chegar perto o suficiente da cobra para capturar esta imagem. A cobra sabia que estávamos ali e estava muito relaxada”, relatou.