A chegada da frente fria trouxe chuva forte para Campo Grande na manhã desta sexta-feira (24), mas o frio reina durante a tarde com previsão da mínima invertida. Segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), sensação térmica registrada por volta de 13h foi de 12,2ºC.

Com alerta de declínio de temperatura, o registrado pela estação para o mesmo horário é de 17ºC. A sensação térmica subiu, mas as temperaturas não passaram dos 18ºC durante a tarde.

A queda na temperatura já era esperada pela meteorologia, que previu o fenômeno da mínima invertida, quando a tarde registra mínima menor que a manhã. Ainda conforme o Inmet, no fim da tarde, por volta de 16h, a sensação era 16,2°C, com temperatura de 18°C.

Chuva voltou após mais de 1 mês

Como esperado, a frente fria favoreceu chuvas em Mato Grosso do Sul. Campo Grande amanhece chuvosa após 38 dias de estiagem. Segundo o Inmet, Campo Grande registrou nas primeiras horas da manhã 5,6 milímetros.

O instituto emitiu alerta de declínio de temperatura em MS a partir desta sexta-feira (24) até domingo (26). A previsão é de queda nos termômetros de 3 a 5°C em todo o Estado.

Associada a frente fria, há alerta de tempestade com perigo potencial. A chuva pode variar entre 20 e 30 milímetros ou até 50 milímetros ao dia, com ventos intensos de 40 a 60 km/h. Pode ocorrer queda de granizo.

Frio não vai embora

A tendência meteorológica, para a próxima semana, indica continuidade do frio em MS. O ar frio será impulsionado por outra frente fria que se forma entre os dias 27 e 28 de maio e que irá favorecer um novo ‘friozão’ em direção ao Centro-Oeste.

Nos dias 28 e 29 de maio de 2024, a região sul/extremo sul do Estado pode registrar temperaturas próximas de 4 a 5°C e, pontualmente, temperaturas abaixo dos 4°C, favorecendo, com menor probabilidade, a chance de geada fraca nessas regiões. Na Capital, esperam-se mínimas entre 8 e 10°C nestes dias.