O eclipse anular do sol está previsto para este sábado (14) e poderá ser visto em Mato Grosso do Sul. Entretanto, a ocultação do sol em Campo Grande será de 45%, enquanto a versão 100% só será visível no nordeste brasileiro.

Nas redes sociais do Jornal Midiamax, os leitores até brincaram por conta das altas temperaturas no Estado. “Poderia fazer sumir o sol por alguns dias… Pq esse calor está demais”, disse uma leitora. Já outro leitor relatou “tem que desaparecer mesmo. Tá muito quente. Dá uma folga pra nós”. E você está preparado?

De acordo com Observatório Nacional, a ação começa a partir das 14h30 e deve durar até o pôr do sol, por volta de 17h30, com pico local de ocultação às 15h40.

Acompanhar pela internet

O YouTube do Observatório Nacional vai transmitir ao vivo o eclipse, a partir das 10h30 (horário de MS). Segundo o Observatório, o eclipse anular do sol é um fenômeno astronômico em que a lua se alinha entre a Terra e o Sol, cobrindo a maior parte do disco solar, mas deixando apenas um “anel de fogo” brilhante ao redor da borda.

Já um eclipse total do sol ocorre quando a lua cobre completamente o disco solar, deixando apenas a coroa solar visível. A principal diferença é que no eclipse anular a Lua está mais distante da Terra e seu diâmetro aparente não fica exatamente igual ao diâmetro aparente do Sol.

Ah, e não esquece de mandar seus registros do Eclipse Solar para o WhatsApp do Jornal Midiamax pelo número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para leitores falarem com os jornalistas. Se preferir, você também pode falar com o Jornal direto no Messenger do Facebook.