A pouco menos de um mês para o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), os estudantes estão em contagem regressiva. Além do exame que dá acesso às universidades do país em diversos cursos do ensino superior, as universidades públicas em Mato Grosso do Sul também possuem o seu próprio vestibular de ingresso.

Com os editais em mãos e os conteúdos para estudar definidos, os futuros acadêmicos se preparam para as provas. Em MS, três universidades públicas têm o vestibular próprio, sendo a UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) e a UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados).

Todas as três possuem lista de leitura obrigatória para que o candidato possa realizar a prova. De livros de poesia a prosa, há obras literárias que podem ser compradas pela internet com valores a partir de R$ 6 e também aquelas que são de autores sul-mato-grossenses, que podem ser adquiridas online, mas que também é possível ler gratuitamente.

Confira as listas e valores:

UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul)

  • Maria de Dirceu, Tomás António Gonzaga: a partir de R$ 24,28.
  • Esaú e Jacó, Machado de Assis: a partir de R$ 6.
  • Triste fim de Policarpo Quaresma, Lima Barreto: a partir de R$ 6.
  • Viagem e Vaga música, Cecília Meireles: a partir de R$ 6.
  • Sagarana, Guimarães Rosa: a partir de R$ 6.
  • O encontro marcado, Fernando Sabino: a partir de R$ 6.
  • Seminário dos ratos, Lygia Fagundes Telles: a partir de R$ 27.
  • Cinzas do Norte, Milton Hatoum: a partir de R$ 11.
  • Vias do infinito ser, Rubenio Marcelo: R$ 42.

UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul)

  • O riso dos ratos, de Joca Reiners Terron: a partir de R$ 22.
  • Casa Velha, de Machado de Assis: a partir de R$ 19,99.
  • Ladrão de cadáveres, de Patrícia Melo: a partir de R$ 12,45.
  • Azul dentro do banheiro, de Marlene Mourão: não há disponível para compra on-line.
  • Selva trágica, de Hernâni Donato: a partir de R$ 7.
  • Úrsula, de Maria Firmina dos Reis: a partir de R$ 24.
  • Sururu com coca-cola, de Luciano Serafim: R$ 49,90.
  • Bovinoletras, de Carlos Magno: não há disponível para compra on-line.
  • Contos e novelas (Obras escolhidas: Ânsia eterna e A isca), de Júlia Lopes de Almeida: a partir de R$ 31,25.
  • Enervadas, de Chrysanthème: a partir de 34,90.

UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados)

  • Sagarana, de João Guimarães Rosa: a partir de R$ 44.
  • A Chave de Casa, de Tatiana Salem Levy: a partir de R$ 7.
  • Torto Arado, de Itamar Vieira Júnior: a partir de R$ 32,90.
  • Poesia Matemática (poesia), de Millôr Fernandes: a partir de R$ 34,90.
  • A Solidão e a Sozinhez (crônica), de Humberto Wernecki:  não há disponível para compra on-line.

Obras literárias de ‘raiz sul-mato-grossense’

A professora Dra. Susylene Dias de Araújo, chefe do Núcleo de Linguística, Letras e Artes da UEMS, explicou à reportagem que as obras sul-mato-grossenses são selecionadas devido ao contexto social e cultural sul-mato-grossense, além de valorizar os escritores regionais.

“No que diz respeito aos livros Azul dentro do Banheiro de Marlene Mourão, Selva Trágica de Hernâni Donato, Sururu com Coca Cola e dois escritos da obra Bovinoletras, de Carlos Magno, avaliamos a escolha por obras do conjunto historiográfico de Mato Grosso do Sul como uma escolha muito acertada, uma vez que a UEMS por instância é reconhecida como a Universidade de Mato Grosso do Sul diretamente idealizada e realizada no contexto cultural e social do Estado. Estas obras, assinadas por escritores contemporâneos, exigem do candidato o conhecimento da produção local, além de garantir aos escritores, nossos artistas, possibilidade de circulação e valorização de seu trabalho”, disse.

Como ler on-line?

As obras exigidas nos vestibulares das universidades públicas também têm livros escritos por autores de MS. Alguns dispõem de compra on-line, mas para quem preferir pode ler gratuitamente por plataforma fornecida pelo governo.

Através do aplicativo MS Digital, no menu Cultura e Esporte há o submenu “LeiaMS” que disponibiliza as obras regionais solicitadas pela UEMS. O aplicativo pode ser baixado aqui para os aparelhos Android e aqui, para aparelhos iOS.

No caso da obra regional que a UFGD pede, o livro ‘A Solidão e a Sozinhez’, de Humberto Wernecki, pode ser lido clicando aqui.