Cotidiano

MS recebe remessa com 56,4 mil doses de Coronavac e Pfizer nesta quinta

Doses da Coronavac serão destinadas para segunda dose

Mylena Rocha Publicado em 09/09/2021, às 11h24

Municípios começam a retirar as novas doses nesta quinta-feira.
Municípios começam a retirar as novas doses nesta quinta-feira. - Henrique Arakaki/Midiamax

Mato Grosso do Sul recebe uma nova remessa com 56.460 doses da vacina contra o coronavírus nesta quinta-feira (9). A remessa traz doses de Coronavac e Pfizer. Somadas às já recebidas nesta semana, foram 132.510 doses de imunizantes no Estado. 

O lote com 35.400 doses de Coronavac chegou nesta manhã ao Aeroporto de Campo Grande. Já as 21.060 doses da Pfizer desembarcam às 13h30. O secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, destacou o avanço da vacinação. “Estamos colhendo resultados da vacinação contra Covid-19. Mato Grosso do Sul é destaque nacional pelo desempenho na vacinação contra Coronavírus”, disse.

A SES (Secretaria de Estado de Saúde) informou que as doses serão distribuídas a partir desta quinta (9). Os municípios irão retirar as vacinas no prédio da Ceve (Coordenadoria Estadual de Vigilância Epidemiológica).

A secretaria explica que recebeu lote com 30.420 doses de Pfizer na segunda (6) e na quarta-feira (8) recebeu carregamento com 45.630 doses da Pfizer. As doses estão  armazenadas na Coordenadoria Estadual de Vigilância Epidemiológica no ultrafreezer emprestado pela UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul).

“Serão distribuídos 61.068 doses da vacina da Pfizer aos municípios não participantes do estudo de vacinação em massa na fronteira para aplicação da segunda dose em quem tomou a primeira dose da Pfizer. Os municípios vão receber 18.018 doses da Pfizer para aplicação da terceira dose em idosos acima de 70 anos e em pessoas com alto grau de imunossupressão. O quantitativo de 18.024 doses de vacinas da Pfizer será para aplicação da primeira dose em adolescentes entre 12 e 17 anos”, divulgou. As doses de Coronavac serão utilizadas para aplicação da segunda dose pelos municípios.

Jornal Midiamax