Cotidiano

Em 1 semana, cresce 26% número de internados com covid em Campo Grande

O avanço dos casos graves de covid refletem no sistema de saúde de Campo Grande, que tem 523 pacientes internados com a doença, 109 casos a mais que há uma semana, uma alta de 26%. Conforme os dados da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), no mesmo período, foram 98 mortes causadas pela doença. Então, a […]

Gabriel Maymone Publicado em 22/03/2021, às 09h26 - Atualizado às 15h19

Leito UTI em MS. (Foto: Governo de MS / Divulgação)
Leito UTI em MS. (Foto: Governo de MS / Divulgação) - Leito UTI em MS. (Foto: Governo de MS / Divulgação)

O avanço dos casos graves de covid refletem no sistema de saúde de Campo Grande, que tem 523 pacientes internados com a doença, 109 casos a mais que há uma semana, uma alta de 26%.

Conforme os dados da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), no mesmo período, foram 98 mortes causadas pela doença. Então, a Capital tem 1.688 óbitos. No sábado (20), o HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul) atingiu a marca de 1 mil mortes por covid.

O boletim da covid da Sesau mostra que Campo Grande chegou a marca de 81.272 casos confirmados  da doença. Desses, 895 estão com sintomas mais leves e cumprem isolamento domiciliar.

Dos 523 internados, 267 estão em leitos clínicos, sendo que 105 estão pelo SUS e 162 estão na rede privada. Outros 249 estão em UTI, sendo 132 na rede púbica e 117 em hospitais particulares.

Ainda conforme o boletim, 7 pacientes estão internados com covid em PAM (Pronto Atendimento Médico).

Jornal Midiamax