Cotidiano

Durante ‘fecha tudo’, bancos e lotéricas não abrem e pagamentos podem ser feitos pela internet

Nesta semana em que apenas serviços considerados essenciais funcionam em Campo Grande, bancos e caixas lotéricas estão na lista de atividades que não devem atender o público. A orientação é realizar pagamentos pela internet. A Caixa Econômica Federal informou que os clientes devem usar o Internet Banking e o aplicativo Caixa TEM nos próximos dias. […]

Adriel Mattos Publicado em 22/03/2021, às 13h51 - Atualizado às 13h56

Centro de Campo Grande ficou 'vazio' no primeiro dia de feriado. (Foto: Marcos Ermínio/Midiamax)
Centro de Campo Grande ficou 'vazio' no primeiro dia de feriado. (Foto: Marcos Ermínio/Midiamax) - Centro de Campo Grande ficou 'vazio' no primeiro dia de feriado. (Foto: Marcos Ermínio/Midiamax)

Nesta semana em que apenas serviços considerados essenciais funcionam em Campo Grande, bancos e caixas lotéricas estão na lista de atividades que não devem atender o público. A orientação é realizar pagamentos pela internet.

A Caixa Econômica Federal informou que os clientes devem usar o Internet Banking e o aplicativo Caixa TEM nos próximos dias. Em nota, a Febraban (Federação Brasileira de Bancos) orientou que os cidadãos podem efetuar pagamentos pelos meios digitais.

“As datas de vencimento de contas, boletos e tributos estão mantidas. Os bancos, por iniciativa própria, não podem alterar essas datas, pois observam as condições contratuais com os emissores dos boletos e as normas de liquidação e compensação de pagamentos do Banco Central. Todas poderão ser pagas pelos canais digitais ou nos caixas automáticos, sem a necessidade de deslocamento às agências bancárias”, diz o texto.

Entenda

O decreto que oficializa as novas medidas restritivas destaca que é preciso respeitar regras de biossegurança. Então, as empresas devem funcionar com o “limite máximo de lotação de 40% da capacidade total permitida”.

Além disso, deve ser respeitado o toque de recolher vigente. Ou seja, das 20h às 5h é proibida a circulação de pessoas na Capital. O horário foi definido pelo Governo do Estado, então todos os municípios também seguem esta medida.

A semana “fecha tudo” foi uma alternativa encontrada pela Prefeitura de Campo Grande para evitar a adoção de um lockdown, quando as medidas são mais restritas e podem impedir até mesmo a circulação de pessoas. Com a medida atual, feriados municipais de 2020 e 2021 foram antecipados e a restrição de circulação ocorre apenas no horário do toque de recolher.

A prefeitura de Campo Grande decretou a antecipação de quatro feriados municipais para forçar o fechamento de serviços não essenciais a partir de segunda-feira (22). Um quinto feriado, Dia da Criação do Estado (11 de outubro), também pode ser adiantado, mas depende de decreto do Governo do Estado.

Diferente da classificação do Prosseguir (Programa de Saúde e Segurança da Economia), nem todos os serviços que são considerados essenciais vão poder abrir na Capital. A prefeitura reclassificou algumas atividades.

Jornal Midiamax