Cotidiano

VÍDEO: Gritando ‘Vem em mim corona’, pessoas ignoram quarentena na Capital

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) decretou situação de emergência em Campo Grande, na última quarta-feira (21), em razão da pandemia do novo coronavírus (COVID-19). A medida foi anunciada por meio de transmissão ao vivo pelas redes sociais, após o aumento dos casos confirmados na Capital. Porém, mesmo com essa medida, nesta sexta-feira (20), leitores do […]

Renata Fontoura Publicado em 21/03/2020, às 08h30 - Atualizado em 22/03/2020, às 10h23

Pessoas em um bar da Capital demonstram falta de preocupação com pandemia. (Foto: Leitor Midiamax)
Pessoas em um bar da Capital demonstram falta de preocupação com pandemia. (Foto: Leitor Midiamax) - Pessoas em um bar da Capital demonstram falta de preocupação com pandemia. (Foto: Leitor Midiamax)

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) decretou situação de emergência em Campo Grande, na última quarta-feira (21), em razão da pandemia do novo coronavírus (COVID-19). A medida foi anunciada por meio de transmissão ao vivo pelas redes sociais, após o aumento dos casos confirmados na Capital. Porém, mesmo com essa medida, nesta sexta-feira (20), leitores do Jornal Midiamax, registraram pessoas nas ruas e em festas particulares.

Em uma casa, localizada no bairro Monte Castelo, após 22h, gritarias e música alta deixaram moradores da região indignados. “Eles não param de gritar e até um ‘vem em mim corona’ soltaram”, alega uma vizinha da residência, que não quis se identificar. “Muita falta de responsabilidade, ainda mais durante esse período de ficar em casa”, afirma.

Outros locais como conveniências e bares também foram vistos com aglomerações de pessoas. “Conveniência fica no bairro Santa Emília. Agora esse momento está lotado de gente. Eu tirei essa foto de longe, mas está muito cheio. Acho tudo isso um descaso com a nossa saúde”, diz uma leitora que também preferiu não se identificar. A reportagem também flagrou pessoas bebendo em outros local, sentadas em mesas, na região central.

O prefeito também anunciou, em mais uma transmissão nas redes sociais nesta sexta, a paralisação do transporte coletivo em Campo Grande pelos próximos 15 dias. Na última atualização o número de casos confirmados do novo coronavírus, em Mato Grosso do Sul, subiu para 12, conforme dados da SES (Secretaria de Estado de Saúde).

Os três novos casos confirmados são de pessoas residentes em Campo Grande: um homem, de 46 anos, uma mulher, de 30 anos e outro homem, de 49 anos que mantiveram contato com pessoas já infectadas pelo vírus. Ainda de acordo com o boletim, a SES monitora outros 52 casos suspeitos da doença em MS e registra até o momento, 209 notificações do coronavírus. A secretaria descartou outros 134 casos e 11 foram excluídos.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Midiamax

O leitor enviou as imagens ao WhatsApp do Jornal Midiamax no número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Jornal Midiamax