Cotidiano

Após recomendação do prefeito para fechar, Pátio Central reduz horário de funcionamento

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) decretou na tarde desta quarta-feira (18) situação de emergência após a confirmação de 7 casos do novo coronavírus (Covid-19), em Campo Grande. Ele recomendou que shoppings e academias, locais de aglomeração, fechassem as portas. O Shopping Pátio Central, localizado no centro da Capital, não irá fechar, mas reduziu o horário […]

Karina Campos Publicado em 18/03/2020, às 17h45 - Atualizado às 17h53

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação) - (Foto: Divulgação)

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) decretou na tarde desta quarta-feira (18) situação de emergência após a confirmação de 7 casos do novo coronavírus (Covid-19), em Campo Grande. Ele recomendou que shoppings e academias, locais de aglomeração, fechassem as portas. O Shopping Pátio Central, localizado no centro da Capital, não irá fechar, mas reduziu o horário de atendimento.

A assessoria de imprensa informou que a direção do shopping se reuniu com os comerciantes para discutir o assunto. Por hora, o local já está seguindo as recomendações do Ministério da Saúde. Para evitar aglomeração, o horário de funcionamento foi reduzido e o tradicional Happy Hour foi suspenso.

Os funcionários estão saindo e entrando fora do horário de pico do transporte público. O shopping manterá o funcionamento hoje até novas orientações do poder público.

Durante uma transmissão online, o prefeito recomendou que o setor privado se atentasse ao pedido de emergência e declaração de calamidade. “Nós estamos determinando para que todos os empresários de bares, lanchonetes e estabelecimentos congêneres que restrinjam a capacidade de lotação de até 30%”.

Jornal Midiamax