Cotidiano

Após flexibilização no comércio, lojas devem abrir normalmente no feriado do dia 26

Com a flexibilização das regras para o funcionamento do comércio em Campo Grande, as lojas devem abrir até mesmo no feriado do dia 26 de agosto, aniversário de 121 anos da Capital. A decisão de flexibilizar regras e adotar toque de recolher a partir das 22 horas foi tomada após reunião entre a Prefeitura Municipal, […]

Mylena Rocha Publicado em 18/08/2020, às 10h48

Rua 14 de Julho, centro da Capital. (Foto: Leonardo França, Arquivo).
Rua 14 de Julho, centro da Capital. (Foto: Leonardo França, Arquivo). - Rua 14 de Julho, centro da Capital. (Foto: Leonardo França, Arquivo).

Com a flexibilização das regras para o funcionamento do comércio em Campo Grande, as lojas devem abrir até mesmo no feriado do dia 26 de agosto, aniversário de 121 anos da Capital. A decisão de flexibilizar regras e adotar toque de recolher a partir das 22 horas foi tomada após reunião entre a Prefeitura Municipal, CDL (Câmara dos Dirigentes Lojistas) e MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul. 

O presidente da CDL, Adelaido Vila destaca que agora o comércio pode funcionar de acordo com o horário permitido no alvará, desde que cumpra com o toque de recolher às 22 horas. Adelaido afirma que a reunião também tratou sobre o feriado do aniversário de Campo Grande. “Nós vamos poder trabalhar normalmente no feriado do dia 26 de agosto”.

O decreto com as novas regras para Campo Grande vale até 31 de agosto. O decreto traz algumas mudanças: depois de cinco dias em ‘Lei Seca’, volta a ser permitido o consumo de bebidas alcoólicas em locais públicos, música ao vivo é permitida com no máximo dois músicos e o toque de recolher passou para as 22 horas.

“É uma vitória significativa, ainda não atende todos os setores de bares e restaurantes, mas nós estamos trabalhando. Na próxima segunda-feira faremos uma nova avaliação e esperamos que tudo volte ao normal”, ponderou o presidente da CDL.

Jornal Midiamax