Cotidiano

Pontes na zona rural de Campo Grande serão reformadas pela Prefeitura

Doze pontes de madeira na zona rural de Campo Grande serão reformadas e reconstruídas pela prefeitura. As pontes são de estradas vicinais estratégicas no escoamento da produção agrícola e pecuária, acesso a lotes dos assentamentos Nova Era (sobre o acesso a lotes dos assentamentos Nova Era (sobre o Córrego Varjão) e São Luiz e Universal […]

Andreza Nunes Publicado em 29/07/2019, às 15h01 - Atualizado em 30/07/2019, às 08h22

foto: divulgação/ prefeitura
foto: divulgação/ prefeitura - foto: divulgação/ prefeitura

Doze pontes de madeira na zona rural de Campo Grande serão reformadas e reconstruídas pela prefeitura. As pontes são de estradas vicinais estratégicas no escoamento da produção agrícola e pecuária, acesso a lotes dos assentamentos Nova Era (sobre o acesso a lotes dos assentamentos Nova Era (sobre o Córrego Varjão) e São Luiz e Universal (no córrego Ribeirão das Botas).

Estão previstas ainda reformas das pontes sobre os córregos Guariroba; Rondinha; Ceroula (na região do Inferninho com 10 metros de vão); Mimoso; Ribeirão da Areia; Liso; Ribeirão Estaca; Varjão e Ribeirão da Cachoeira.

A equipe da Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços), para que fosse definido os projetos realizaram levantamentos fotográficos das pontes com a indicação do tipo de intervenção que será preciso fazer em cada uma delas.

Segundo engenheiros da Sisep, as pontes são projetadas para suportar 15 toneladas e muitas vezes, passam carretas sobre elas com até 40 toneladas de calcário. Em algumas pontes, será necessário trocar o assoalho; em outras, as vigas de sustentação precisam ser trocadas ou previstas o reforço do aterro.

A Capital possui uma malha viária rural de aproximadamente 2 mil quilômetros para manter, com 85 pontes em todo o perímetro. Sendo que já foram reformadas seis pontes, e estão sendo elaboradas 15 projetos de pontes de concreto, na dependência da captação de recursos federais.

O prazo para as empresas que forem participar da licitação será até o dia 29 de agosto para apresentar suas propostas.

Jornal Midiamax