Cotidiano

Liderança do PT convoca reunião para tirar militantes das ruas

Preocupação das lideranças

Diego Alves Publicado em 11/03/2016, às 00h34

None
821z6afdfcjcmjzbunommol3o.jpg

Preocupação das lideranças

O pedido de prisão do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, encaminhado na tarde desta quinta-feira (10) pelo Ministério Público de São Paulo, aumentou a preocupação das lideranças do Partido dos Trabalhadores quanto aos protestos marcados para o domingo (13).

Segundo um representante da liderança, o partido não conseguiu até agora desmobilizar os militantes e apoiadores do PT. "Primeiro foi a condução coercitiva por parte da Justiça Federal. Agora acontece este pedido de prisão preventiva por parte do MP. As pessoas estão dispostas a ir para as ruas e partir para o confronto se for necessário, mesmo que estejam em menor número", diz.

Para o petista, além de incitar os apoiadores de Lula, a ação do MP-SP contra o ex-presidente pode levar mais manifestantes contrários ao governo às ruas neste domingo (13). Os procuradores, por sua vez, fizeram questão de dizer em entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira (10) que não politizaram a ação.

Jornal Midiamax