Cotidiano

Catadores liberam BR-163, mas ameaçam novo bloqueio à tarde

Rodovia pode ser interdida as 15 horas

Midiamax Publicado em 15/12/2016, às 13h58

None
img-20161215-wa0015.jpg

Rodovia pode ser interdida as 15 horas

Os catadores que trabalham no aterro de entulhos do bairro Noroeste liberaram o trecho da BR-163, em Campo Grande, após mais de duas horas de bloqueio. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os trabalhadores deverão se reunir suas lideranças e se a prefeitura não der um posicionamento, o bloqueio ser retomado às 15 horas.

A interdição da rodovia teve início nas primeiras horas da manhã . Com entulhos, colchões e uma geladeira, os catadores d bloquearam a via para chamar a atenção das autoridades sobre o fechamento do aterro, local onde trabalham 300 pessoas.

Em vistoria realizada em setembro deste ano,  Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) mostrou que o aterro operava sem requisitos mínimos e até mesmo sem a licença de operação fornecida pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur). No ano passado, o aterro chegou a ser interditado por falta de espaço para os caminhões manobrarem.

A Justiça tinha estipulado o prazo de até um mês para que a Prefeitura bloqueasse o funcionamento do local, mas após três dias da decisão judicial, a atividade do aterro foi interrompida.

Jornal Midiamax