Cotidiano

Moradores do Indubrasil estranham ‘estrondo’ na região oeste da Capital

Ainda não é sabido o que provocou o barulho

Midiamax Publicado em 20/06/2015, às 19h07

None
img-20150620-wa0115.jpg

Ainda não é sabido o que provocou o barulho

Desde o início da semana, moradores da região oeste e sudoeste de Campo Grande têm ouvido ‘estrondos’ e até mesmo presenciado janelas e portas balançarem. Um dos barulhos foi ouvido na terça-feira (16) pela manhã e outro ocorreu no fim da tarde de sexta-feira (19).

Populares especularam que o barulho estaria ligado a explosões em uma das pedreiras de Campo Grande, já que a assessoria do CMO (Comando Militar do Oeste) informou na noite de ontem, que tiveram pedidos de informações sobre os barulhos, mas eles desconhecem a origem e afirmam que não tem realizado treinamento na região em que houve os estrondos.

A equipe do Jornal Midiamax foi até o Bairro Indubrasil falar com os moradores que ficaram surpresos com a notícia. “Fiquei sabendo pela televisão, porque aqui, a gente não sentiu e não ouviu nada”, disse comerciantes e atendentes de lanchonetes.

Um mecânico da região revelou que um parente que mora no Jardim São Conrado, área sudoeste, chegou a ligar para ele para perguntar sobre o barulho. “Ele disse que parecia uma explosão, mas eu falei que por aqui não teve nada. Depois vi o povo comentando nos jornais, mas aqui não foi”, afirma.

Os populares preferiram não se identificar, mas afirmaram que a pedreira que fica há 4 quilômetros do bairro está em funcionamento. A equipe esteve no local e avistou apenas um guarda, que pediu que a reportagem saísse de lá.

Jornal Midiamax