Cotidiano

Bíblia escapou em explosão de carretas, e motorista que morreu estaria bêbado

Testemunhas disseram que condutor estaria alcoolizado

Wendy Tonhati Publicado em 12/06/2015, às 15h39

None
igor_santana_costa_rica_em_foco.jpg

Testemunhas disseram que condutor estaria alcoolizado

A Polícia Civil prendeu um motorista de caminhão, por embriaguez ao volante, logo após a colisão entre duas carretas na MS-306, em Costa Rica, a 328 quilômetros de Campo Grande. De acordo com o delegado Cleverson Alves dos Santos, o motorista é colega do condutor de uma das carretas envolvidas. Os dois teriam ingerido bebidas alcoólicas momentos antes do acidente.

Uma testemunha disse à polícia que o motorista da carreta que transportava diesel e um colega, da mesma empresa e que conduzia outro caminhão, teriam passado em um estabelecimento comercial, já embriagados, e pedido mais bebidas. O proprietário se recusou a vender e os dois foram embora.

Depois que aconteceu o acidente o motorista que também estava embriagado fugiu do local, e acabou preso horas depois. Até a manhã desta sexta-feira (12), ele ainda estava detido, pois não pagou a fiança arbitrada em cinco salários mínimos.

“Não conseguimos provar que ele tem envolvimento no acidente. Apenas que estavam juntos e embriagados”, explica o delegado. O motorista disse que estava a aproximadamente três quilômetros à frente, no momento da colisão entre as carretas.

Segundo a autoridade policial, embora a polícia ainda aguarde os laudos periciais, os peritos concluíram no local do acidente que a carreta que transportava diesel teria invadido a pista contraria e batido de frente com o outro veículo.

A Polícia Civil tem as identificações dos motoristas, fornecidas pelas empresas, mas vai fazer exame de DNA, para identificar as vítimas, já que os corpos ficaram completamente carbonizados.

Um fato que chamou a atenção no local do acidente foi uma Bíblia encontrada quase intacta. Segundo o delegado, ela teria voado do caminhão que transportava diesel na colisão e por isso, não foi muito atingida pelas chamas.

Acidente

A colisão aconteceu por volta das 16h30, da quarta-feira (10). Uma das carretas transportava carne embalada e vinha de Pedra Preta (MT). A outra transportava diesel. Os veículos pegaram fogo e foram completamente consumidos. O Corpo de Bombeiros foi acionado e após combater as chamas, os corpos foram retirados, completamente carbonizados.

A polícia entrou em contato com as empresas e outro motorista da mesma companhia identificou as vítimas do acidente. São eles: Dhaniel Altino de Britto, de 28 anos, que conduzia a carreta carregada com carne, e Murilo Santana dos Anjos, de 20 anos, que seguia no veículo que transportava diesel.

Jornal Midiamax