Brasil

Com novas etapas na campanha de vacinação contra a Covid-19, Ministério da Saúde distribui mais 5,2 milhões de doses

Remessas da Pfizer e Astrazeneca são destinadas para doses de reforço, adolescentes e para completar o ciclo vacinal

Ranziel Oliveira Publicado em 25/09/2021, às 17h04

Fachada do Ministério da Saúde
Fachada do Ministério da Saúde - (Foto: Marcello Casal Jr / Agência Brasil)

O Ministério da Saúde distribui mais 5,2 milhões de doses para todo Brasil. Todos os Estados da União e o Distrito Federal recebem os imunizantes nos próximos dias. A medida tem o objetivo de acelerar ainda mais a campanha de vacinação contra a Covid-19, garantindo a dose de reforço para os públicos prioritários e a imunização de adolescentes seguindo ordem de prioridades.

Nesta distribuição, serão enviadas 1,1 milhão de doses da Astrazeneca. De acordo com o planejamento da pasta, essas doses devem ser usadas como segunda dose, para completar o ciclo vacinal dentro do prazo recomendado, de 12 semanas.

Já as 4,1 milhões de doses da Pfizer são destinadas para dose de reforço dos idosos acima de 70 anos, para vacinação de adolescentes grávidas e puérperas, privados de liberdade e para completar o esquema vacinal de quem já tomou a primeira dose. O intervalo entre as doses da Pfizer é de 8 semanas.

Nesta sexta-feira (24), o Ministério da Saúde ampliou para profissionais de saúde a vacinação com a dose de reforço contra a Covid-19. A medida foi definida em reunião na CTAI - Covid (Câmara Técnica de Assessoramento em Imunização) e vai reforçar a imunidade de quem está na linha de frente do combate à pandemia. As doses para esse público entrarão nos próximos informes técnicos.

Diante dessas novas etapas da campanha, após a conclusão do envio de 100% das primeiras doses para os 158 milhões de brasileiros adultos, a pasta ressalta a importância de estados e municípios seguirem as recomendações definidas de forma tripartite, entre União e gestores locais do SUS e previstas no PNO (Plano Nacional de Operacionalização) da Vacinação contra a Covid-19. O planejamento do Ministério da Saúde para distribuição de doses é baseado nessas recomendações com o objetivo de garantir doses para o reforço de todos os públicos prioritários e para completar o ciclo vacinal de forma equânime em todo Brasil.

Até agora, a campanha de vacinação já chegou para mais de 144 milhões de pessoas com a primeira dose e mais de 86 milhões de brasileiros estão com o ciclo vacinal completo. O Ministério da Saúde já distribuiu mais de 284 milhões de doses para todos os estados e Distrito Federal.

Os detalhes da distribuição e o quantitativo de doses por estado estão no 52º Informe Técnico, disponível aqui. (Com informações do Ministério da Saúde).

Jornal Midiamax